Algumas das melhores atrações de Buenos Aires não foram feitas para turistas. São lugares do dia a dia dos portenhos, que seja por suas histórias, belezas e outras características, acabaram por se tornar atrativos turísticos, por sim dizer.

Já visitei Buenos Aires diversas vezes e a cada viagem descubro alguma coisa nova. Mas tem sempre aqueles lugares que gosto de voltar. Pra mim, estas as verdadeiras atrações imperdíveis de Buenos Aires.

Quais são as melhores atrações de Buenos Aires

Esse post não é baseado numa votação ou em avaliações de milhares de viajantes. É um artigo de opinião. Portanto, obviamente pode ter quem não goste de algum desses lugares. E certamente também vai ter quem concorde.

De qualquer maneira, vou explicar por que vale a pena visitar cada um desses lugares que selecionei como atrações imperdíveis em Buenos Aires. E se tiver qualquer dúvida, basta perguntar. Olha só onde eu acho que você tem que ir em Buenos Aires:

1. Mercado de San Telmo

De flores a empanadas assadas na hora, se encontra de um tudo no Mercado de San Telmo, tipo um mercado público de um dos bairros mais pitorescos de Buenos Aires. É considerado um dos principais pontos turísticos de Buenos Aires.


Foi inaugurado em 1897 para abastecer essa região populosa da cidade. Passou por um período de decadência, mas nos últimos anos foi revitalizado. Ainda restam algumas das antigas bancas, como açougue e frutaria, mas o mercado foi tomado por bistrôs modernetes de culinária internacional.

Além de ótimos lugares para provar comida francesa, italiana e principalmente argentina, no Mercado de San Telmo também tem lojas de antiguidades, artigos típicos como cuias de mate, lojas de doce de leite e bares. É um resumo do bairro, sendo um ótimo lugar para comer bem e fazer umas compras. E mesmo que não gaste nada, vale a pena ir só pelo passeio.

2. Parque de la Memoria

A Argentina viveu uma duríssima e sangrenta ditadura militar, uma das mais violentas da América Latina. Para preservar essa memória, por mais triste que seja, foi construído um belo memorial às margens do Rio da la Plata, junto à Cidade Universitária de Buenos Aires.

Fui conhecer esse lugar apenas na última viagem, num passeio de bicicleta. E essa é a melhor maneira de conhecer o memorial, que é todo a céu aberto e circundado por uma ciclovia. Além de jardins, monumentos e da vista pro rio, o parque tem painéis com os nomes já identificados das vítimas da ditadura.

3. Bar el Federal

Esse bar no bairro San Telmo, fica pertinho do Mercado de San Telmo, é um dos mais antigos de Buenos Aires. Em funcionamento desde 1864, nem sempre foi exatamente um bar de família, sendo palco de festas de prostituição e cenário de um assassinato.

Mas hoje pode ir tranquilo ao El Federal. Além de histórico, o bar também é restaurante e tem um típico cardápio ítalo-argentino, com pratos bem servidos e a preços módicos. Gostei também do atendimento, que foge à moda da rispidez portenha.

Mais antigo do que ele, até onde eu sei, só o Café Tortoni, que foi fundado em 1858 e já é figurinha carimbada entre brasileiros. Para encontrar outros lugares seculares, recomendo ler estas dicas de bares antigos em Buenos Aires.

4. Museo Evita

Existem grandes museus em Buenos Aires, daqueles em que dá pra passar um dia inteiro. Esse NÃO é o caso do Museo Evita. Por isso gostei tanto dele. É uma das atrações mais legais em Palermo.

Museu pequeno e pouco visitado por turistas brasileiros, o Museo Evita conta a histórica de uma das maiores personalidades da história argentina. Odiada por alguns, amada por milhões, Evita era a jovem esposa do presidente Juan Domingo Perón e acabou se tornando mais popular do que ele mesmo. Morreu jovem e ficou conhecida por seus muitos atos de caridade, vistos também como política populista.

Parte do nosso Roteiro Cultural em Buenos Aires, no Museu Evita estão expostos retratos, vestidos, artigos pessoais e vídeos com discursos da curta e intensa trajetória de Evita.

5. Plaza de Mayo

Não tem como indicar atrações em Buenos Aires sem falar da Plaza de Mayo. Sim, ela é um clichê. Mas também é um símbolo de toda a Argentina.

Na Plaza de Mayo está a Casa Rosa, sede da presidência da República Argentina. Inaugurada em 1898, o palácio é ainda mais bonito por dentro, possuindo um riquíssimo acervo de pinturas e esculturas, além do charme de sua arquitetura. Exceto em casos de excessões como pandemias e protestos, é possível visitar o interior da Casa Rosada, desde tenha feito agendamento prévio.

A Praça de Maio também é famosa por ser palco de importantes atos políticos e humanitários, como os protestos das Mães da Praça de Maio, que buscar por seus filhos “desaparecidos” na Ditadura Argentina.

Continue organizando sua viagem para a Argentina

Além de dicas de atrações em Buenos Aires, aqui no blog você encontra informações completas para planejar sua viagem para a Argentina. E ainda conta com uma consultoria personalizada para tirar dúvidas e montar seu roteiro, com respostas rápidas pelo e-mail nivaldo@gmail.com.

Então, antes de sair do blog especialista em Buenos Aires, veja também:

Viajar com tudo reservado é bem melhor
  • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  • Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  • Touron: ingressos e tours em Buenos Aires e em todo o Brasil
  • Confidence: compra de moedas e cartão pré-pago internacional

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

→ Utilize o cupom BUENASDICAS5 na Seguro Promo e tenha   5% de desconto  em seguro viagem

→ Acesse o Airbnb por esse link e ganhe mais de  R$ 150 em crédito  de hospedagem se ainda não for cadastrado.

→ Chip internacional de dados e voz com  15% de desconto  se usar o cupom CHIPMAISBARATO.

Autor

Criador e editor do Buenas Dicas, o blog de viagem super sincero. Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

2 Comments

  1. @2a962d24284a1cd624ed712e317625c2:disqus na verdade são 3 motivos para ir de novo, pra quem já conhece mesmo. Por isso os 3 motivos são 3 “atrações” que devem ser evitadas, pois demandam muito tempo e levam embora uma grana que poderia ser usada pra curtir a cidade de verdade, e não só um mundo criado para os turistas.

  2. 3 motivos para ir a Buenos Aires? Cadê? Vi 3 coisas para NÃO fazer! Se é para não fazer, para que ir?

Comentários