Onde ficar em Barcelona? Perto da praia ou dos monumentos históricos? Perto das baladas ou das estações de metrô? Na parte nova ou nos bairros antigos? Depois de algumas semanas andando por Barcelona e observando com atenção as peculiaridades de cada bairro, preparei esta lista para facilitar o planejamento da sua viagem.

Com várias regiões interessantes e bairros que vão dos mais pacatos aos lotados de turistas, reflita sobre cada um e pense bem onde ficar em Barcelona. (Preguiça de ler? Veja direto Onde ficar em Barcelona: 4 melhores bairros).

Os 10 melhores bairros para ficar em Barcelona

Confira os bairros comentados, com dicas de pontos turísticos, transporte e outras atrações, além de um link direto pra reservas hotéis, pousadas e hostels pelo Booking no bairro de Barcelona que você escolher.

10. LES CORTS 

O Camp Nou está aqui. O estádio do Barcelona é basicamente o que interessa ao turismo neste bairro de vias arborizadas e típica vida universitária ao redor da Universidade de Barcelona. Para ir ao centro e bairros da moda, utilize as boas estações de metrô.

Porque se hospedar em Les Corts: viva intensamente o futebol torcendo pelo Barça junto à massa azul-grená. O time de Messi e Neymar é a sensação da Catalunha, paixão de Barcelona e garantia de espetáculos no seu estádio.

veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

9. SANTS

O bairro que já foi uma cidade até o início dos anos 1900 é repleto de áreas verdes, como o Parc Espanya e o Parc de Joan Miró, que mais parece um museu a céu aberto em homenagem ao famoso pintor surrealista Catalão. Ainda tem a estação SANTS, hub de transporte na cidade.

Porque se hospedar em Sants: para viver como um Catalão, mas sem estar longe dos pontos turísticos. Se O José Carreras viveu aqui, você também pode tentar.

→ veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

8. EL POBLENOU

marbella barcelona poblenou
“Chiringuito” Be Gay na praia de Mar Bella.

Tradicional bairro industrial da Catalunha, foi renovado para as Olimpíadas de 92. É grande e abrange regiões como El Parc e La Vila Olímpica del Poblenou. Vai da Avenida Diagonal até a Praia de Mar Bella, famosa pelo público gay e naturista. Sim, é a famosa praia dos pelados de Barcelona.

Porque se hospedar em El Poblenou: viva perto dos locais, coma como os locais e principalmente gaste como os locais. Por estar fora do “fervo” turístico, mantém os preços razoáveis e uma atmosfera peculiar.

veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

7. EL POBLE SEC

Fica no extremo sul de Barcelona, esticado ao longo da morro Montjuic e colado no porto. É também um bairro histórico, tendo vivenciado muitas guerras e a queda da muralha da cidade. Conectado a toda a Espanha por meio da estação de trem da Plaza Espanya.

Porque se hospedar em El Poblesec: tem ares de interior, clima de montanha e uma agradável brisa do mar. Fácil acesso ao Castelo de Montjuic e ao agito ostentação do Hotel W.

→ veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

6. VILA DE GRACIA

gracia bairro barcelona
Bandeiras exaltam o nacionalismo Catalão.

Coração do Distrito de Gracia, região com maior densidade populacional de Barcelona e com mais de 120 mil habitantes. Além dos turistas, é claro, que passeiam por suas ruas entre atrações como a Casa Vicens (de Gaudí, pra variar) e o Teatreneu.

Porque se hospedar em Vila de Gracia: para estar perto do Parque Guell, colado no Eixample e a poucos minutos de caminhada do El Gotic.

→ veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros em Gracia.

No cinema: se você assistiu Vicky Cristina Barcelona, pode ter reparado no café do Hotel Casa Fuster, onde Vicky conta a uma amiga que teve um caso com o personagem de Javier Bardem. Então, esse hotel fica na Vila de Gracia e você pode fazer sua reserva por aqui.

 

5. EIXAMPLE

casa milla gracia barcelona
La Pedrera ou Casa Millá, do Gaudí.

Distrito gigante, engloba pequenos bairros e praticamente corta Barcelona ao meio. Ou seja, é razoavelmente perto de tudo, tanto das atrações da parte alta quanto do agito nas praias e ruelas medievais. Em suas ruas largas repletas de ciclovias, estão atrações como a Casa Batló, a Casa Milá e La Sagrada Família, todas obras-primas de Gaudí.

Porque se hospedar no Eixample: se está na dúvida entre agito e calmaria, entre ser turista ou tentar ser local, entre modernidade e antiguidade, fique no meio termo.

veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

4. EL RAVAL

Em uma rua do El Raval só vi indianos. Em outra, me senti na Turquia. Lendo sobre ele agora, descobri que é lar de milhares de ciganos e paquistaneses. Mas talvez não exista nada mais “Barcelonês” do que esse bairro histórico, que ferve de turistas em suas ruelas medievais.

Porque se hospedar no El Raval: pelas centenas de kebaberias, pelo Mercado de la Boqueria, pelo charme decadente e multicultural das ruas e por estar colado nas Ramblas, a meca dos turistas em Barcelona.

→ veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

3. BARCELONETAbarceloneta bairro barcelona praia

Tradicional bairro de marinheiros, foi construído nos anos 1700. Ocupa um banco de areia, ligado por aterro ao continente. Falando assim, nem parece que La Barceloneta é praticamente a Los Angeles espanhola, lotada de gente descolada no calçadão da praia mais famosa da cidade.

Porque se hospedar em La Barceloneta: pelas baladas com gente do mundo inteiro, como a Opium e a Shôko, pelos restaurantes de frutos do mar e pelas praias com gente bonita e topless à vontade.

→ veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

2. EL GOTIC

Numa caminhada de 10 minutos pelo bairro, me ofereceram maconha, haxixe, cocaína e até um “blewjob”. Mas também vi famílias passeando, casais namorando e ótimos restaurantes. Vi o Museu da Maconha e a Catedral de Barcelona. Esse é o Bairro Gótico de Barcelona, o mais antigo da cidade, famoso por suas ruelas medievais, suas “plazas” e por seus peculiares bares de tapas.

Porque se hospedar no El Gotic: é o centro do turismo em Barcelona, entre as Ramblas, o porto e seu gêmeo não idêntico El Born. E ainda concentra as baladas alternativas da cidade, incluindo suas próprias ruas durante a noite.

 veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

1. EL BORNarquitetura_el_born_barcelona

Foi onde fiquei e onde ficaria mais dez vezes. O El Born é uma espécie de El Gotic mais tranquilo. Também tem ruelas medievais, arquitetura primorosa e excelentes cafés e bares de tapas. Tem o Museu do Picasso, o Centro Cultural del Born e está colado ao Arco do Triunfo e ao Parque de la Ciutadella.

Porque se hospedar no El Born: pela atmosfera romântica, pelo charmoso Passeig del Born e para estar perto de tudo, mas com uma certa distância das armadilhas pra turistas.

veja aqui opções de hotéis, pousadas, hostels e outros no bairro.

 

Gostou de tudo ou ainda está na dúvida?

Se esse é o seu caso, então decida onde ficar em Barcelona de acordo com as ofertas de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos por temporada disponíveis na cidade. Apesar de Barcelona ser uma cidade cara para o padrão espanhol, ainda tem as hospedagens mais em contra entre os principais destinos europeus.

Boa viagem e Viva La Vida em Barcelona.

Fotos: Oh Barcelona (Camp Nou) e Buenas Dicas (todas as outras).

Viajar com tudo reservado é bem melhor
      • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
      • Real Seguros: compare preços de seguro viagem
      • Touron: ingressos e tours em todo o Brasil
      • Airbnb: reservas de quartos e apartamentos de temporada

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

        • Utilize o cupom BUENASDICAS5 na Seguro Promo e tenha   5% de desconto  em seguro viagem
        • Acesse o Airbnb por esse link e ganhe mais de  R$ 150 em crédito  de hospedagem se ainda não for cadastrado.
Autor

Criador e editor do Buenas Dicas, o blog de viagem super sincero. Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários