Uma pacata e gelada cidadezinha na Patagônia é a porta de entrada do Parque Nacional Los Glaciares, onde está o Lago Argentino, em que repousa uma das mais famosas atrações do país: o monumental glaciar Perito Moreno.

O nome da cidade vem da planta mais característica da Patagônia e símbolo da região, o “calafate-da-patagônia”, presente nos territórios gelados de Chile e Argentina. Seu fruto, da família dos “berrys”, é amplamente utilizado na gastronomia local, especialmente em sorvetes e doces, como o alfajor.

Com seus 22 mil habitantes, El Calafate tem a terceira maior população da província de Santa Cruz e uma economia que praticamente gira em torno do Perito Moreno. O famoso glaciar, aliás, está a 80 km da cidade. Um trajeto curto, considerando a baixa densidade populacional e as imensas distâncias montanhosas da região.

Embora pequena e gelada na maior parte do ano, a cidade é estruturada e agitada. Sua avenida principal, pra se ter um ideia, é repleta de cafés, lojas de roupas, artesanato e bares, tudo voltado ao grande fluxo de turistas. Assim como a moderna central telefônica, também na avenida Libertador General San Martín.

Cavalos em El Calafate
Apesar da infraestrutura moderna, cenas como essa ainda podem ser vistas próximas ao centro da cidade.

O turismo também encheu a cidade de hotéis. E tem pra todos os bolsos e gostos, dos mais simples , com diárias que beiram a caridade, a luxuosos e acolhedores hotéis, com preços relativamente baixo se comparados a similares em outros países.

Os restaurantes da cidade, principalmente as churrascarias especializadas no famoso “cordero patagônico”, também merecem destaque.

Bar El Calafate
Café-bar na galeria de artesanatos da avenida Libertador.

Essa grande estrutura mostra o poder do turismo, que transformou uma isolada vila andina em base de aventureiros de todo o mundo, que passam pela cidade em busca emoção e belas fotos: seja fazendo rafting, canoagem ou simplesmente pescando no Rio Caterina; seja caminhando e fazendo trekking no gelo; seja simplesmente tomando um café fumegante em frente ao Perito Moreno.

 

Assim como a planta que dá nome à cidade, El Calafate floresce em meio a uma das regiões mais inóspitas da Cordilheira dos Andes, e se mostra cada dia mais competitiva no acirrado turismo de inverno argentino.

Sem dúvidas, vale a pena dar uma “esticadinha” no se roteiro e conhecer essa pacata cidade patagônica.

Mais buenas dicas na Argentina

• Dicas de Buenos Aires

• Dicas de Mendoza

• Dicas de Bariloche

• Dicas de El Calafate

• Dicas de Salta e Jujuy

Viajar com tudo reservado é bem melhor
  • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  • Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  • Touron: ingressos e tours em Buenos Aires e em todo o Brasil
  • Confidence: compra de moedas e cartão pré-pago internacional

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

→ Utilize o cupom BUENASDICAS5 na Seguro Promo e tenha   5% de desconto  em seguro viagem

→ Acesse o Airbnb por esse link e ganhe mais de  R$ 150 em crédito  de hospedagem se ainda não for cadastrado.

→ Chip internacional de dados e voz com  15% de desconto  se usar o cupom CHIPMAISBARATO.

Autor

Criador e editor do Buenas Dicas, o blog de viagem super sincero. Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários