Paraty

Passeio de barco em Paraty – Escuna, barco privado, preços e roteiro

Escuna ou barco privado? Entenda como são e quanto custam os passeios de barco em Paraty.

O passeio de barco é a atividade número 1 em Paraty. E não é por menos: as praias e ilhas da baía de Paraty estão entre as mais bonitas do Sudeste.

Fiz o passeio num belíssimo dia de sol.

Mas antes tive muitas dúvidas, especialmente em relação a qual passeio fazer, pois há muitos tipos de barcos e roteiros de passeios. Aqui vão algumas dicas, com preços, contatos e informações importantes.

Os dois tipos principais de passeios de barco em Paraty

  1. Passeio privativo em barco
  2. Passeio em escuna

Em comum aos dois passeios, uma dica importante: COMPRE DIRETAMENTE NO CAIS DE PARATY. Além de ser mais barato, comprando lá você pode ver o barco do seu passeio e conhecer o piloto.

Outra vantagem de comprar direto é a confiança de falar diretamente com o prestador do serviço. Digo isso com propriedade, pois caí num golpe de uma agência de turismo, que me vendeu um passeio e depois não confirmou a atividade. Eu já havia pago metade do valor e não me reembolsaram.

O Cais de Paraty fica no Centro Histórico da cidade, perto da Igreja de Santa Rita de Cássia. O melhor horário para comprar o passeio é de manhã, por volta de 10h, horário que a maioria dos barcos está zarpando ou buscando clientes para fechar o passeio. Se for em dia de semana, pode até se arriscar a chegar sem ter o passeio comprado.

Um terceiro tipo de embarcação que circula com turistas é a lancha rápida. É um passeio mais caro e ideal para quem já conhece bem as praias da região e quer alugar o frete até algum ponto específico. Se você estiver na Pousada Corsário, onde me hospedei, é possível embarcar lá mesmo, pois as lanchas entram no canal de Paraty.

1. Passeio em barco privativo em Paraty

Se você gosta de silêncio e tranquilidade, esse passeio vale cada centavo. Na tarde do dia anterior, passei no Cais de Paraty e falei diretamente com o piloto, o Roberto, do barco Jerusalém. Segundo ele, o barco leva até 10 passageiros, mas ele fecha a atividade exclusiva para um casal. Assim combinamos.

Chegamos lá 10h da manhã e logo começamos a navegar. Mas, segundo ele, poderíamos ter começado até antes, umas 9h.

O barco é simples, todo de madeira. Dá pra ficar sentado em baixo, no banquinho lateral. Mas preferimos ficar na parte de cima, onde dá pra ficar deitado nas almofadas e é mais silencioso.

Levamos petiscos e bebidas. No barco tem uma caixa térmica com gelo. Um dia lindo de sol em junho, sem uma nuvem céu.

Além de ter o barco só pra gente, outra grande vantagem do barco privativo é sair antes das escunas. Assim, chegamos em várias praias ainda desertas.

Nosso roteiro foi assim:

  • Praia da Lula – Águas calmas e fundas. Lindíssima.
  • Lagoa Azul – Local de águas transparentes e muitos peixes. No barco tinha óculos de mergulho.
  • Ilha da Cotia – Praia de águas rasas em ilha deserta, com grandes pedras, ótimas para fotos.
  • Praia Vermelha – Um pouco mais movimentada. Paramos para comer no Restaurante Amendoeiras. O peixe estava excelente e o banheiro bem limpinho.
  • Praia Jurumirim – Águas verdes e o solo do mar lembra mais um rio. Possui uma casa abandonada do navegador Amyr Klink.

Apesar do passeio ter um tempo combinado de 5 horas, o piloto Roberto foi super simpático e ficou mais de uma hora extra com a gente, afinal o dia estava incrível e seria um desperdício terminar às 15h. Ficamos até por volta de 17h, então pudemos fazer paradas mais longas nas praias.

Preço e dicas para o passeio

Como era dia de semana e baixa temporada, pagamos “apenas” R$ 400 para um passeio de 5 horas, em casal. E ficamos cerca de 7 horas, graças ao lindo dia de sol.

Mas, aos finais de semana, o passeio é negociado por no mínimo R$ 500 por casal.

Caso chegue fora de hora e encontre barco disponível, pode negociar um passeio mais curto, negociando por hora.

Fique de olho na previsão do tempo. Os meses de maio, junho, julho e agosto são os menos chuvosos em Paraty. Mas também são os mais frios. Por isso, prepare-se para as águas geladas e leve um agasalho, que pode ser necessário na navegação de volta ao Cais de Paraty.

Contatos para o passeio de barco privado em Paraty

Fiz o passeio com o Roberto, do barco Jerusalém. Ele foi super gente boa e solícito durante o passeio, sugerindo praias e explicando sobre o roteiro. Telefone/Whatsapp: (24) 99994-5038 / Instagram @barcojerusalem

Outros barcos que conheci no Cais de Paraty:

  • Barco Paraíso, da Manu e do Jorge. Um pouco maior, leva até 25 pessoas. Telefone: (24) 99938-2338
  • Barco Budião, do Robson. Leva até 12 pessoas. Telefone: (24) 9999-79593
  • Barco Viva La Vida, que me indicaram no hotel. Telefone: (24) 99958-5231 / Instagram: @barcovivalavida

2. Passeio de escuna em Paraty

Nunca vi tanta escuna como no Cais de Paraty. Também chamadas de saveiro, esses barcos levam mais de 50 pessoas por passeio, com duração média de 5 horas.

Tem escuna de tudo que é jeito. Muitas são temáticas. Por isso é importante ir comprar o passeio diretamente no cais. Assim você escolhe de acordo com suas preferências, inclusive de atividades proporcionais pelas escunas: muitas têm escorregadores, outras levam botes infláveis ou pranchas de SUP. Também oferecem máscaras de mergulho e snorkel.

Mas uma coisa é comum a todas as escunas de Paraty: o barulho.

Todas as escunas que vi no cais e ancoradas nas praias estavam tocando músicas em volume ensurdecedor. E músicas de estilos que não têm nada a ver com Paraty. Os guias a bordo falam ao microfone.

As paradas nas praias possuem um tempo definido. Então, mesmo se não gostar, tem que esperar. E se gostar muito de um lugar, pode não ter tempo para aproveitar o suficiente.

Preço e dicas para o passeio de escuna em Paraty

  • Nas agências de turismo de Paraty, o passeio estava sendo vendido por R$ 50.
  • Mas como fui na baixa temporada, em junho, em dias de semana, no cais era possível comprar por R$ 40.

Além de ser mais barato comprar direto na escuna no Cais de Paraty, por lá você tem a chance de conhecer pessoalmente as embarcações e falar com quem realmente entende da atividade.

Pela internet, é possível reservar o passeio, vendido como “Excursão às Ilhas de Paraty“, embora hoje o valor esteja um pouco acima do praticado no local.

Vale a pena fazer o passeio de barco em Paraty

Sem dúvidas foi a melhor atividade que fiz em Paraty. E digo mais: se tivesse tempo, faria de novo no dia seguinte, dedicando mais tempo às praias preferidas e desbravando outros lugares.

Mas é preciso escolher a embarcação que mais combina com você.

Vá de barco privativo se prefere ter mais privacidade e fazer tudo no seu ritmo, dedicando o tempo que preferir a cada praia do caminho, embora o custo seja maior.

Se prefere animação, vá de escuna, sabendo do barulho e que ela possui um roteiro engessado, com a vantagem de ser um passeio muito mais barato.

Viajar com tudo reservado é bem melhor

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

        • Utilize o cupom BUENASDICAS5 na Seguros Promo e tenha   5% de desconto  em seguro viagem
        • Acesse o site O Meu Chip por esse link e tenha   15% de desconto  usando o cupom CHIPMAISBARATO

Criador e editor do Buenas Dicas, o blog de viagem super sincero. Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários