Salta, no norte da Argentina, está nos melhores roteiros pela América do Sul. Apesar de ser uma cidade mediana, com 535 mil habitantes, é fácil se locomover na cidade, planejada e de ruas retas. Também é fácil escolher onde se hospedar em Salta: a dica é ficar no bonito Centro Histórico (Microcentro), ao redor da Plaza 9 de Julio (Praça Principal).

Como assim, a dica de onde ficar em Salta é só essa? Basicamente. Repare abaixo, no mapa de Salta, que há uma região rosada. Essa parte rosa/laranja (que cor doida é essa?) é o Centro Histórico. Veja também que, buscando por hotéis em Salta, a maioria está nessa região. Eles não estão aí à toa.

mapa onde ficar salta

Isso porque, fora da região histórica, Salta é só uma cidade normal da Argentina. Vale a pena sair da parte boa da cidade apenas se encontrar um hotel barato que valha a distância das coisas turísticas e culturais de Salta.

Sim, turismo, cultura e gastronomia se concentram no Centro Histórico.

Gastronomia: para cima e para a direita do centro também estão coisas legais, como o simpático Cafe del Tiempo e o Restaurante Adelina. E, pra fugir um pouco do calor do deserto, nesse região tem até um shopping center com McDonald’s, o Shopping Alto Noa (detalhes e horário de funcionamento).

(Mas, se eu fosse você, eu não gastaria tempo e estômago num shopping, afinal você está em Salta, paraíso das empanadas e uma das melhores cidades para comer na Argentina).

Cultura: o melhor da arquitetura de Salta está no Centro Histórico, como o Cabildo Colonial/Museu Histórico do Norte, a Iglesia San Francisco, o Museu Catedralício e o Museu de Bellas Artes, entre outros edifícios, especialmente ao redor da Plaza 9 de Julio.

cabildo salta
Arcos do Cabildo, lugar mais fotografado de Salta | Foto de Rodrigo Soldon

E pra fazer tudo isso a pé em Salta, sem gastar tempo e dinheiro com táxi ou aluguel de bicicleta*, e sem fazer longas caminhadas sob o sol do Saara de La Puna, repito, agora com alguns argumento, que o melhor lugar para se hospedar em Salta é mesmo o Centro Histórico e adjacências.

* Plana e planejada, Salta é ideal para pedalar. Mas, como quase tudo na cidade, as lojas de aluguel de bicicleta também se concentram no Centro Histórico.

 

Dicas de hotéis no Centro Histórico de Salta

hotel salta colonial
Fachada monumental do Hotel Salta | Foto de Nico

Hotel Salta – olha ele aqui em cima. Faz parte da história de Salta e tem um belo jardim com piscina. Mas, se você é alérgico como eu, não passe nem perto.

Hotel Colonial – também um hotel clássico da cidade, com localização e vista privilegiada do Microcentro de Salta. Tem muitos móveis antigos e carpetes. Corram dele também, alérgicos.

Hotel Marilian – um pequeno hotel 3 estrelas, muito bem avaliado, com boa relação custo-benefício e a apenas duas quadras da Praça 9 de Julio (Praça Principal).

Solar de la Plaza – uma grande casa colonial, transformada em um charmoso hotel 4 estrelas, em frente à Praça General Don Martín Miguel de Güemes.

Ayres de Salta Hotel – a elegante piscina com vista para a montanha já me convenceu a ficar lá na próxima viagem a Salta. Hotel 4 estrelas, a apenas 3 quadras da Praça 9 de Julio.

Hotel del Virrey – visual colonial, uma linda piscina e preços razoáveis (encontrei diárias abaixo de R$ 200).

Antiga Hotel – pousada barata de apenas 1 estrela e muito bem avaliada pelos hóspedes. Tem quartos com várias camas, bom pra quem viaja em turmas grandes.

Dicas de hostels/albergues no Centro Histórico de Salta

onde ficar em salta
Olha que bonito letreiro do Hotel Colonial | Foto de Nico

Ferienhaus – é o hostel de Salta mais perto da Plaza 9 de Julio, coração do Centro Histórico. Não é nada sofisticado. Além da localização invejável, também é elogiado pela limpeza.

La Casa del Peregrino – parece um orfanato e diz aceitar animais de estimação, Nunca tinha visto hostel pra cachorro na vida, vale a pena perguntar se aceitam mesmo.

Coloria Hostel – esse sim é um hostel legal. Colorido, moderno, visual descolado e tem até uma piscina no jardim. Tem quarto de casal.

Onde ficar em Salta fora do Centro Histórico

bicicletas salta argentina
Bicicletas, boa alternativa de transporte nas ruas planas de Salta | Foto de Alba Sud

Se mesmo com as dicas acima e todas as opções do Booking e do HostelWorld você não encontrar sua hospedagem no Centro Histórico de Salta, o jeito é procurar em outros bairros da cidade.

Fora do centro, a tendência natural é encontrar hotéis mais novos por preços melhores, afinal é mais barato estar fora do centro turístico. Selecionei alguns hotéis e hostels legais em outras regiões da cidade, que podem fazer valer o táxi ou a caminhada até o Centro Histórico.

TIerra Norte Hostel – nem moderno, nem descolado, fica perto do Teleférico Salta.

Hostel Salta Por Siempre – simpático, espaçoso e perto da rodoviária de Salta (1 km de distância). Para chegar ao Centro Histórico, basta andar 6 quarteirões.

Hostal All Norte – pousada barata e com banheiros compartilhados. Vale muito a pena para casais, pois sai mais barato do que reservar duas camas em hostel. Visual simpático e nota boa nos sites de avaliação.

Flat Tramas Andinas – fica em área residencial de Salta, rodeado de casebres coloniais decadentes, prédios novos e construções. A 2 km de caminhada da Plaza 9 de Julio.

Mais Buenas Dicas de Salta

Além de linda, Salta é uma parada estratégica entre dois outros importantes destinos turísticos: San Pedro de Atacama, a 520 km de distância, no Chile, e Cafayate, a 200 km. Um destino que merece entrar nos melhores roteiros pela América do Sul. Veja 10 motivos para fazer uma viagem a Salta e Jujuy.

 Como economizar na viagem:  

  • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  • Seguros Promo: compare preços de seguro viagem (cupom de desconto: BUENASDICAS5)

Escreva seu comentário