Afinal, quando ir para Pirenópolis, como é o clima, qual a melhor época e melhores feriados? Cidade histórica mais turística de Goiás, amada por goianos e brasilienses, Pirenópolis pode ser visitada o ano inteiro. Os principais atrativos da cidade, que são as cachoeiras e os restaurantes, estão sempre disponíveis. Mas, como em todo lugar, existe a melhor época para cada coisa.

Peraí. Então é melhor planejar a viagem para Pirenópolis em certos meses do ano? Isso aí. Já visitei Piri em quase todos os meses e estações, e tive experiências completamente diferentes. E isso depende também do tipo de viagem que você pretende fazer. Explico em detalhes abaixo. (Antes de viajar, entenda Onde se Hospedar em Pirenópolis)

Mas antes, resumo aqui o clima de Pirenópolis: é possível fazer calor o ano inteiro, mas isso é garantido nos meses de primavera e verão. Ou seja, entre setembro e março é calor, que é também a época mais chuvosa. Já a partir de meados de abril até agosto, chove pouco e o clima é mais agradável, principalmente em junho e julho, quando é inverno e faz um friozinho gostoso e a chance de chover é quase zero.

Fim de tarde num dia de inverno em Pirenópolis (minha época preferida)

 

Quando ir a Pirenópolis com foco em gastronomia

Se me perguntar o que fazer em Pirenópolis, minha primeira resposta sempre vai ser: comer! E a culinária goiana não é nada leve. Galinhadas, panelinhas e empadões, entre outras comidas típicas de Goiás, são abundantes na Rua do Lazer, na Rua Aurora e em restaurantes fora desse eixo gastronômico de Piri. E ainda tem os cafés coados, que dão um suadouro danado. Se numa noite quente já é complicado se empanturrar assim, imagine sob o sol do meio dia, onde quase nenhum restaurante tem ar-condicionado.

Fora a comilança, não é nada agradável andar nas ruelas históricas da cidade enquanto o sol frita seu couro cabeludo. Ainda mais pra quem se hospeda longe do centro e precisa procurar estacionamento nas ruas, quase sempre sem sombra.

Então, pra quem foca nessa parte urbana e gastronômica, recomendo viajar entre os meses de maio e agosto, quando o clima é frio e seco, muito mais agradável. Pra evitar chuvas e ter mais chances ainda de frio, junho, julho e agosto são as melhores época em Pirenópolis.

Quando ir a Pirenópolis fazer ecoturismo e curtir cachoeiras

Mesmo no inverno, os dias em Pirenópolis costumam ser quase sempre quentes e ensolarados. E como essa estação seca começa logo após a época dos chuvas, é o tempo ideal para fazer ecoturismo, com dezenas de trilhas e cachoeiras à disposição.

Nessa época, entre maio e julho, os rios e cachoeiras estão cheios, com bom volume de água para nadar e curtir. Com chance quase zero de chover. Claro que tem chance de fazer frio no meio da tarde, mas nada que tire o ânimo de quem não teme água gelada. Em agosto, o clima começa a virar em Goiás. Ainda é raro chover, com os dias podem ficar mais cinzentos e o volume de água as cachoeiras já é reduzido.

Mas, pra quem gosta mesmo é de calor e não se importa com o risco de chuva e tromba d’água (sim, é possível ocorrer em Pirenópolis, embora com menos frequência do que na Chapada dos Veadeiros), também vale a pena visitar Piri em outubro, novembro e em pleno verão, nos meses de dezembro, janeiro, fevereiro e março.

No verão em Pirenópolis, escolha um hotel com piscina

Se cachoeira também não é sua praia, ou se também acha legal ter onde se refrescar a qualquer hora do dia, a dica é escolher um hotel com piscina em Pirenópolis. Esse ano passei lá no verão, e fez mais de 30 ºC no meio do tarde. Não tinha como sair do hotel à tarde. Na última viagem, em pleno inverno, o calor à tarde também fez valer a pena ter escolhido uma pousada com piscina.

Piscina da Pousada Pouso do Sô Vigário, no centro histórico de Pirenópolis.

 

Cavalhadas, Carnaval e Reveillon em Pirenópolis

Cavalhadas. As Cavalhadas é o maior eventos do ano em Pirenópolis, uma festa religiosa que remonta a Batalha de Carlos Magno e os 12 Pares da França, que se tornou símbolo da resistência do Cristianismo contra os Muçulmanos. Como festa, chegou ao Brasil com a missão de apoiar a aculturação catequização dos índios. Bom, detalhes históricos à parte, a festa se tornou muito importante em Pirenópolis e atrai milhares de turistas religiosos e curiosos todo ano. A festividade dura três dias seguido, geralmente nos meses de abril ou maio.

Carnaval. O Carnaval em Pirenópolis também é concorrido. Como acontece sempre no verão, seja fevereiro, março ou abril, o calor é garantido. E não espere tranquilidade. A festa é animada nas ruas e bares da cidade. Nessa época dos hotéis costumam vender somente pacotes para todos os dias e eles custam caro. Se quer esse agito, melhor reservar com antecedência.

Revéillon. O último grande evento anual em Pirenópolis é o Reveillon. Na última semana de dezembro, as pousadas já costumam estar lotadas, por isso é importante reservar com antecedência (apesar dos preços abusivos dos pacotes).

E agora que você já sabe quando ir a Pirenópolis, continue planejando sua viagem com a a ajuda do Buenas Dicas. Se tiver qualquer dúvida, é só perguntar.

Para planejar sua viagem:  
  1. Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  2. Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  3. RentCars: aluguel de carro pelo menor preço nas principais locadoras do mundo
Viaje com descontos:
  1. 100 reais de desconto no Airbnb
  2. 5% ou mais de desconto em Seguro Viagem
Autor

Criador e principal editor do Buenas Dicas, o blog do viajante inteligente (que é você 😄). Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários