Gramado

Snowland em Gramado: vale a pena conhecer?

Você quer brincar na neve? Se respondeu sim, no Brasil o único lugar para fazer isso o ano inteiro é no Parque Snowland, em Gramado. Visitei o local e aqui vão todas as dicas.
Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Sim, tem neve em Gramado. Mas somente dentro do Snowland, parque temático a poucos minutos do centro da cidade. Fui ao local numa terça-feira, início de alta temporada na Serra Gaúcha, para reparar em todos os detalhes e dizer se vale a pena ou não fazer essa visita.

Onde fica e como chegar ao Snowland

Localizado na estrada RS-235, saída para Nova Petrópolis. São 6 km de distância até o centro de Gramado. Fui de Uber, saindo da Av. Borges de Medeiros e a corrida custou R$ 12 em cerca de 10 minutos de viagem. Acho que aplicativos de transporte ou táxi é a melhor forma de ir. Detalhes sobre essa e outras alternativas de transporte:

  • Ônibus turístico: o Bus Tour passa pelo Snowland a cada 45 minutos. Custa R$ 69 com paradas nesse e outros locais. Mas como a visita ao Snowland é longa, não compensa.
  • Táxi: cliente Snowland tem 20% em táxis da ATAG –Taxistas Autônomos de Gramado – Contato
  • Uber: funciona bem em Canela e Gramado e a corrida é barata, cerca de R$ 12 do Centro ao Snowland
  • Carro: tem estacionamento pago no Snowland pelo preço de R$ 25

Sinal de celular é bem ruim. Consegui chamar Uber com meu Claro apenas do lado de fora. Disseram que Vivo também pega, mas que Tim e Oi não funcionam. Se for o seu caro, utilize o Wi-Fi do Snowland, que também é ruim.

Ingressos do Snowland

Comprei o ingresso adulto na bilheteria por R$ 129, preço de média temporada. Se comprar com antecedência no site oficial ou agências de turismo parceiras, é possível economizar. Se for num dia de semana, é mais provável conseguir uma tarifa promocional. Onde pode encontrar ingresso do Snowland mais barato:

  • Touron – Agência de turismo online de Gramado
  • Concierge de Gramado – Cabines de vendas de ingressos espalhadas pela cidade

Valor do ingresso do Snowland hoje – Site oficial

  • Passaporte adulto a partir de 12 anos: R$ 135 (promocional) ou R$ 169 (normal)
  • Passaporte criança de 4 a 11 anos: R$ 111 (promocional) ou R$ 138

Como é o Snowland – Atrações e o que esperar da visita

Fui numa terça, ainda no início da alta temporada e no final do dia. Por isso não estava lotado e não peguei fila na entrada. Mas quem vai aos sábados e domingos costuma reclamar bastante de filas, tanto na entrada quanto em cada atração.

Pista de patinação no gelo

Do lado de dentro, a primeira atração é a pista de patinação no gelo. Pista mediana, com instrutores para ajudar que não consegue parar em pé, o que é comum. Entre na fila, ainda pequena, e esperei por cerca de 10 minutos. Não andou, ninguém me atendeu e desisti.

Ao redor da pista estão várias lojas, como num destino de neve de verdade. Tem até uma Columbia, de trajes de inverno, além de lojas de presentes. Nessa área ainda não faz tanto frio e podemos ficar com nossas roupas normais.

Roupas de neve – Preparação

Seguindo o passeio, entre na área denominada Montanha de Neve. Para chegar lá, é preciso se equipar. Um grande vestiário coletivo oferece botas de neve, calça e jaqueta e um par de luvas. Sem custo extra. Se quiser guardar seus pertences, precisa alugar um armário por R$ 25.

Abri a porta da montanha. FRIO CRUEL. Segundo o termômetro, fazia –5ºC. Neve artificial espalhada por todo o chão. Mesmo com a calça e a jaqueta fornecidas vestidas por cima do meu próprio casaco, senti frio. A tal luva térmica que oferecem é praticamente inútil.

Montanha de neve – Área com tubing e pista para esquiar

Planejava fazer tubing, aquele escorregador de neve. Parecia legal pelas fotos. Chegando lá, vi que é um brinquedo infantil. Pequeno demais para adultos, vi apenas crianças escorregando.

Hora de esquiar, certo? O “montanha” é alta e é possível praticar na base. Fui determinado a esquiar, aproveitando que apenas uma pessoa usava a pista. Chegando lá, me disseram que é preciso pagar uma taxa extra, no balcão do vestiário.

Isso aí. Se já tiver prática de esqui ou snowboard, precisa alugar equipamentos por R$ 60. Se nunca esquiou ou ainda é ruim, fica mais caro. Há diferentes planos. O mais barato custa R$ 120 incluindo equipamento, aula em grupo e 30 minutos de pista.

Restaurantes dentro do Snowland

Encontrei mais gente nos cafés e restaurantes do que nas atrações do parque. Lá dentro tem um pub rústico, daqueles estilo Outback, um café aos pés da área de tubing e uma grande praça de alimentação, com cachorro-quente, pizza e outros lugares para comer. Além de uma área de diversão com brinquedos e jogos eletrônicos.

Preços de comidas e atividades no Snowland – Quanto gastar

  • Cachorro-quente: R$ 17
  • Pão de queijo: R$ 5
  • Café expresso: R$ 6
  • Água mineral 500 ml: R$ 5
  • Cerveja Dunkel 600 ml: R$ 27,80
  • Fichas de brinquedos eletrônicos: R$ 3
  • Aula de esqui com equipamento: R$ 120
  • Aula, equipamento e tempo ilimitado na pista de esqui: R$ 320
  • Aluguel de armário: R$ 25

Dias, horários de funcionamento e dicas para visitar o Snowland

Fecha somente às quartas. Nos outros dias, funciona das 10h às 17h. Na alta temporada, em julho, novembro e dezembro, abre todos os dias. À noite, a atração Snowland Night tem outros preços e horários.

Chegue cedo. Apesar do parque fechar às 17h, procure chegar no máximo até por volta de 14h em dias de semana, quando é mais vazio. Sábado e domingos, melhor ir pela manhã se quiser aproveitar. Pois as filas são longas. É uma visita de um dia inteiro. Principalmente se vai com crianças, o tempo mínimo lá dentro, passando raiva nas filas, é de pelo menos quatro horas.

Vale a pena visitar o Snowland?

Minha visita não compensou. Queria esquiar e cheguei sem saber que precisava pagar muito mais por isso. Também não consegui patinar, mesmo com fila pequena, devido à desorganização do local. Também não escorreguei no tubing pois é uma atração para crianças. Resumindo, eu não fiz nada além de passar frio e tirar fotos para escrever esse post.

Mas se você quer muito aprender a esquiar e está preparado para gastar com isso, pode ir. De preferência num dia semana, quando as filas não menores. Para quem vai com crianças, vi que o negócio é ficar bebendo no bar com vista panorâmica para a pista, controlando o vaivém da molecada nos escorregadores de neve.



Booking.com

Galeria de fotos do Snowland em Gramado

Viajar com tudo reservado é bem melhor
  • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  • Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  • RentCars: aluguel de carro pelo menor preço em dezenas de países
  • Chip Internacional: internet no celular em qualquer lugar do mundo

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

Criador e principal editor do Buenas Dicas, o blog do viajante inteligente (que é você 😄). Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários