Para escolher onde ficar em Montreal, a dica é conferir onde estão os principais pontos turísticos, os melhores restaurantes, as estações de metrô e os lugares que pretende visitar. Assim você não gasta tanto tempo e dinheiro se locomovendo, principalmente se for um roteiro de apenas 2 ou 3 dias. Por sorte, os melhores bairros de Montreal para turistas são próximos e tem muitos hotéis.

Foi assim que decidi me hospedar em Le Village, bairro com casas bonitas, animado e de onde fui a pé para várias atrações. Cabe ressaltar que ele é principal bairro gay de Montreal. Mas andei também em bairros mais distantes, reparando na rede de hotéis de Montreal e lugares com localização estratégica para o turista.

O melhor lugar para se hospedar em Montreal

Praticamente tudo que interessa ao turismo em Montreal está localizado entre o Parque Mont-Royal e Vieux-Port (Porto Velho). Essa região engloba os melhores bairros para hospedagem, que como eu falei, concentram também os melhores lugares para comer, atrações históricas e culturais e o maior números de hotéis, hostels e apartamentos no Airbnb.

Os melhores bairros de Montreal:

Outros bairros práticos nessa região turística de Montreal

  • Le Plateau
  • Milton-Park
  • Mille Carré Doré (Golden Square)
  • Petite-Bourgogne

Todos eles estão totalmente ou em parte dentro do pequeno círculo azul no mapa. São todos bairros muito seguros noite e dia, com localização estratégica, muitas estações de metrô, linhas de ônibus e muitos táxis e motoristas de Uber e outros aplicativos de transporte em circulação. Após os melhores bairros, confira também quais são os Melhores hostels de Montreal.

Pontos turísticos e locais de interesse nessa região:

Essas marcações dentro da área azul são lugares que salvei para visitar, como restaurantes, parques, lojas e principalmente atrações turísticas famosas. Nessa área estão:

  • Chateau do Parque Mont-Royal, mirante e trilhas
  • Restaurantes Beautys e Schwartz’s
  • Porto Velho (Vieux-Port)
  • Cidade Velha, incluindo Saint-Paul St
  • Place d’Armes e Basílica de Notre-Dame
  • Biosfera de Montreal
  • Gare d’Autocars de Montréal (rodoviária)
  • Gare Centrale (estação de trem)

Mais detalhes e dicas de hotéis nos 4 melhores bairros de Montreal

Como falei, todos esses bairros são excelentes opções de hospedagem em Montreal. Mas entre eles há opções melhores para cada tipo de viajante, então vou explicar isso resumidamente agora, com dicas de ruas e hotéis bem localizados nessas regiões.

1. Cidade Velha, o melhor bairro de Montreal para quem gosta de história

Não há nada mais europeu na América do Norte do que esse que é o bairro mais antigo de Montreal. Vieux-Montréal, em francês, ou Old Montreal, em inlgês, concentra os prédios mais famosos e bonitos da cidade. Entre ruas que lembram a era medieval, como a turística Rue Saint Paul, estão joias da arquitetura canadense, como a Câmara Municipal, o Marché Bonsecours (antigo mercado público), o prédio da corte e a majestosa Basílica de Notre-Dame, em frente à Place-d’Armes, que lembra praças de Vienna e Paris. Poucos metros abaixo está Viéx-Port, o porto velho de Montreal, que foi transformado numa moderna área de entretenimento às margens do rio.

Dicas de hotéis na Cidade Velha

Nesse pequeno bairro histórico, que se extende por pouco mais de 1 quilômetro, estão alguns dos hotéis mais luxuosos de Montreal, como o Le Saint Sulpice e o William Gray, que fica no coração do bairro e tem quartos com vistas que fazem valer o alto preço das diárias.

Mas nem só de luxo 5 estrelas vive o bairro. Também é possível se hospedar na Cidade Velha sem gastar tanto. Por exemplo, no Alternative Hostel, um hostel com quartos compartilhar e privados, como numa pousada.

2. Le Village ou Gay Village, o animado bairro LGBT de Montreal

Considerado a maior área gay da América do Norte, o pequeno bairro de Le Village possui três estações de metrô e uma infinidade de lugares legais, cafés, saunas e lojas de produtos eróticos gays. Quando me hospedei no bairro, a Rua Beaudry estava exclusiva para pedestres, mas não sei dizer se foi algum evento ou se é definitivo. De Le Village é fácil ir a pé até a Cidade Velha e para a Rue Saint-Dennis, uma das mais animadas na noite de Montreal, com dezenas de bares e baladas.

Dicas de hotéis em Le Village

Perto do Centro e dos bairros históricos, Le Village tem hotéis com bom custo-benefício. Um dos mais baratos é o simples Hotel Sainte-Catherine. Quase ao lado da rodoviária de Montreal está o Samesun Montreal Central, que também é uma boa escolha pra quem gosta de sair à noite.

3. Centro de Montreal, um bairro prático e sem charme

As longas avenidas do Centro de Montreal são meramente comerciais. Há uma infinidade de redes de restaurantes e fast-foods, lojas de departamento (vale a pena visitar a Best-Buy) e alguns shoppings. O lugar mais interessante do bairro é a Place des Arts, uma grande praça rodeada de atrações culturais:

  • MAC, o Museu de Arte Contemporânea de Montreal
  • Théâtre Maisonneuve
  • Salle Wilfrid-Pelletier

Dicas de hotéis no Centro

Em meio a essa que é a melhor para do centro, está o Hyatt Regency Montreal, um hotel 4 estrelas que fica dentro de um pequeno shopping center. Nessa mesma região, uma dica de hotel mais em conta é o Hotel Quartier Des Spectacles.

Na parte alta do centro, no caminho para a entrada do parque Mount-Royal, o simples L’Appartement Hôtel tem diárias razoáveis, considerando a média de preços dos hotéis de Montreal.

4. Quartier Latin, o bairro boêmio e cultural de Montreal

Uma pequena parte do Centro de Montreal tem vida própria. Pra quem gosta de bares e baladas, não tem lugar melhor para se hospedar. A Rua Saint-Dennis é o coração da região, onde está o descolada restaurante animado Cinko e dezenas de pubs, sorveterias, teatros, cafés, casas de drinks e karaokês que funcionam até altas horas. Na rua paralela, vale a pena conhecer o pub Distillery no.1. No quesito transporte, a região tem a estação de metrô Sherbrooke e a principal rodoviária de Montreal.

Dicas de hotéis no Quartier Latin

Se você não se importa com lugares de aspecto retrô-ultrapassado, um dos hotéis mais baratos de Montreal está no bairro, o Hotel Quartier Latin. Mas nem só de muquifos vive a região, onde também estão hotéis modernos e bem avaliados como o Hôtel de l’ITHQ. Um pouco mais simples e em conta, tem o Hotel Le Relais Lyonnais. Agora, se quer estilo com bom custo-benefício, dê uma olhada no Boxotel.

Os melhores hostels de Montreal

Assim como Toronto, Montreal não é uma cidade com boa oferta de hostels. Entre dezenas de lugares que mais parecem pensões largadas, se salvam poucos hostels que podem ser considerados bons. Entre eles, destaco o M Montreal Hostel, localizado no centro e com camas cortinadas, dando uma pequena privacidade ao viajante.

Quarto do M Montreal Hostel. Aliás, ele foi eleito o 2º Melhor Hostel do Mundo em 2018 | Foto de @MHostel

Outros hostels bem avaliados em Montreal:

Tem mais dicas de hospedagem em Montreal?

Se você ficou naquele hotel bom e barato que pouca gente conhece, ou descobriu um bairro diferente que merece ser melhor conhecido, mande a dica pra gente. Assim mais viajantes ficam por dentro. E se tiver alguma dúvida sobre esses ou outros bairros de Montreal, é só perguntar. Eu sempre leio os comentário e respondo o mais rápido possível.

Gostou do guia? Escolha uma imagem para salvar no seu Pinterest.

Boa viagem!

 

Viajar com tudo reservado é bem melhor
  • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  • Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  • RentCars: aluguel de carro pelo menor preço em dezenas de países
  • Get Your Guide: ingressos e tours para atrações no mundo inteiro

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

Autor

Criador e principal editor do Buenas Dicas, o blog do viajante inteligente (que é você 😄). Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários