Onde se hospedar em Quioto: bairros, hotéis e ryokans

Antes de mais nada: sim, vale a pena se hospedar em Quioto. Apesar de muita gente fazer o cansativo bate e volta de trem-bala a partir de Tóquio, Quioto merece pelo menos dois dias inteiros de roteiro.

Por isso, aqui vou explicar onde é melhor se hospedar em Quioto para que você esteja bem localizado e aproveite as atrações, a gastronomia e a riquíssima história da cidade.

Andei por toda a cidade de Quioto, observando as vantagens de cada localização, e também tive minha experiência de hospedagem num Ryokan (típico hotel japonês, muitos deles com fontes termais).

Melhores lugares para se hospedar em Quioto

Kyoto ou Quioto? O nome da cidade em japonês é 京都市. A adaptação correta do seu fonema para o idioma português é Quioto. A palavra Kyoto é utilizada em inglês e alemão. Como estamos no Brasil, utilizamos Quioto.

Resumo da história de Quioto: Capital do Japão até 1868, “Kyoto” tem mais de 2 mil templos, parques deslumbrantes, termas e uma infinidade de atrações gastronômicas e culturais. Apesar da intenção dos EUA de jogar uma bomba-atômica em Kyoto, ela passou praticamente ilesa pela Segunda Guerra Mundial, sendo hoje uma das cidades mais preservadas do Japão.

Confira a seguir nossas dicas de onde ficar em Quioto, e entenda qual área da cidade mais combina com seu jeito de viajar e seu orçamento.

1. Centro – Melhor lugar de Quioto para fazer quase tudo a pé

Uma vantagem de se hospedar no centro é que, a partir daqui, é necessário atravessar apenas metade do trânsito para se chegar nas atrações a leste e oeste. Não por acaso, a região central de Quioto concentra a maioria dos hotéis e albergues da cidade.

Primeiramente, tem a opção de ficar próximo à Estação de Quioto, pelas facilidades óbvias de transporte.

Região gastronômica de Quioto

Uma localização favorita no quesito hospedagem é a região de Nikagyo, um pouco ao norte da Estação de Quioto. Aqui ficam o Beco Pontocho e a rua Kiyamachi, que são excelentes para lazer, gastronomia e vida noturna. Essa localização dispõe da facilidade de acesso às principais linhas de trem e ônibus, além de ter lojas, shoppings, restaurantes e museus.

Em Nikagyo, eu fiquei na rua Kawaramachi, uma das principais localidades do “distrito de compras” de Quioto. Nela há grandes lojas de roupas, artesanato e souvenir, além de restaurantes de rede e lojas de conveniência.

O distrito das gueixas de Quioto

Do outro lado do Rio Kamo, a leste e um pouco menos “central”, está a região de Gion, famosa por ser o “distrito das gueixas”. As ruas são delineadas pelas fachadas de madeira, um deleite para os olhos dos fãs da arquitetura japonesa.

Em Gion dá pra encontrar desde hospedarias baratas, como o Kyoto Gion, até confortáveis hotéis tradicionais, como o Rinn Gion Shirakawa, um dos mais reservados da região.

Dica de hotel-cápsula em Quioto

Selecionei os melhores hotéis no estilo cápsula e também algumas dicas de hostel em Quioto. Confira estas ótimas opções de hospedagem no melhor bairro da cidade.

  • The Millenials (centro) – considerado o melhor hotel-cápsula de Quioto, com instalações modernas e soluções automatizadas. Me hospedei nele e gostei bastante. Adorei a regra de não poder fazer barulho na área do dormitório. Não pode nem falar ao telefone. Mas para quem está viajando em grupo, isso não é muito conveniente. A localização é excelente e o preço acessível.

Hotéis convencionais no centro de Quioto

Selecionei também hotéis mais “normais” bem localizados. Confira abaixo estas quatros ótimas opções de hospedagem em Quioto:

  • Tokyu Stay Kyoto Shinkyogokudori (Nakagyo, centro, próximo à área de Pontocho): hotel 3 estrelas, com recepção 24 horas. Localização privilegiada, do lado do distrito de compras.
  • Nest at Nishiki (Nakagyo Ward, centro): menor e com ar mais intimista que os outros hotéis desta lista, esse hotel 3 estrelas tem excelentes avaliações. Fica próximo ao Mercado Nishiki, um mercado a “céu aberto” centenário e atração gastronômica na cidade.
  • Via Inn Kyotoeki Hachijoguchi (Minami Ward, centro, próximo à estação de Quioto): muito bem avaliado. Indicado para quem quer ficar colado na estação de Quioto.
  • Ritz Carlton Kyoto (Pontocho, centro): ok, o Ritz já está em outra categoria, mas eu não resisti. Para quem procura a hospitalidade de rede com o toque da estética japonesa, vale conferir o Ritz de Quioto. O melhor dele é a vista para o Rio Kamo, e a localização: praticamente em cima do Beco Pontocho.

2. Arashyiama – Onde ficar em Quioto com a melhor vista

Fora do agito do centro, a bucólica região de Arashyiama é também muito procurada pelos viajantes. A região que margeia o Rio Katsura abriga templos, parques e hospedagens com vistas espetaculares, das mais simples às mais luxuosas.

Dicas de hotéis na região de Arashyiama em Kyoto

Compilei abaixo algumas opções interessantes de hospedagem, usando o critério de localização e dividindo em estilos. Selecionei apenas os que foram muito bem avaliados no Booking.com e no TripAdvisor, em diferentes faixas de preço.

  • Mulan Hostel (Arashyiama): Esse hostel muito bem avaliado fica do outro lado do Rio Katsura (em relação ao centro da cidade), mas ainda a uma distância razoável das regiões mais badaladas. Dispõe de quartos com camas e quartos japoneses (tatame e futon).
  • Kadensho, Arashiyama Onsen: a poucos passos da estação de trem, o Kadensho agrega conforto à localização estratégica, com boa relação custo-benefício.

3. Dica de ryokan em Quioto

Este tipo de acomodação é tão especial que mereceria um post separado. O tipo e o preço variam muito, sendo que o preço de partida sempre será um pouco mais caro que o hotel comum. Da mesma forma, cada ryokan é único – alguns não possuem banhos públicos, outros oferecem camas em estilo ocidental, mas a maioria oferece café da manhã e jantar incluídos na diária.

Vai aqui uma pequena lista de alguns dos melhores Ryokans de Kyoto, todos bem avaliados, de fácil acesso e simples de reservar:

  • Kyoto Takasegawa Bettei: além de ser considerado um dos melhores ryokans de Quioto, está muito bem localizado. Ótimo custo-benefício.
  • Nazuna Kyoto Tsubaki St: Já pensou em se hospeda num ryokan de luxo em Kyoto? Certamente uma experiência única, para quem não se importa com preços. Inclui um muito elogiado café da manhã.
  • Arashyiama Benkei (Arashyiama): para quem quer seu banho termal com vista para um jardim, sem abrir mão da privacidade, esse ryokan é perfeito. Claro que o preço vem concordar com o luxo dessa acomodação quatro estrelas. O Arashyiama Benkei ganhou o Traveler’s Choice 2019 do Tripadvisor.
  • Ryoso Chatani: bom e barato, com piscina termal e excelentes avaliações. O ponto negativo é estar longe do centro de Quioto, num bairro sem atrativos turísticos.

Continue planejando sua viagem ao Japão

Agora que você já sabe onde ficar em Quioto, já pode organizar outros detalhes da sua viagem ao Japão. Por isso, pense também no seu roteiro, em quais cidades pretender passar e o que não pode deixar de conhecer. Se tiver qualquer dúvida, pergunte. A gente responde sempre o mais rápido possível.

Veja também: 11 dicas de viagem ao Japão

Viajar com tudo reservado é bem melhor

Descontos para economizar na viagem

  • Utilize o cupom BUENASDICAS5 na Seguros Promo e tenha   5% de desconto  em seguro viagem
  • Acesse o site O Meu Chip por esse link e tenha   15% de desconto  usando o cupom CHIPMAISBARATO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *