Para complementar nossas dicas de onde ficar em São Paulo, a pedido de uma leitora estou fazendo estas dicas de hospedagem e transporte para quem vai ao festival Lollapalooza, que todo ano acontece em São Paulo. Em 2018, mais uma vez o o evento será no Autódromo de Interlagos.

Em 2017, cerca de 190 mil pessoas foram ao Autódromo de Interlagos nos dias do Lollapalooza. Então imagine como ficam o trânsito, a tarifa dinâmica de Uber e Cabify, os preços fechados dos táxis e os preços dos estacionamentos perto do autódromo. É o caos.

(Se pretende se hospedar em hostel, veja os 10 melhores hostels de São Paulo e também nossas dicas de hostels baratos e perto do metrô, o que facilita muito pra quem vai ao Lolla. Para os momentos de folga dos shows, veja o que fazer em São Paulo).

Morando em São Paulo há 6 anos, já fui em alguns shows e corridas no distante Autódromo de Interlagos. E sempre fui da forma mais barata, de trem. Por isso a principal dica de hospedagem para quem vai ao Lolla, é ficar perto de uma estação de trem ou metrô.

Como chegar de trem no Lollapalooza em Interlagos

É o melhor transporte até lá. Os trens de São Paulo são modernos em limpos, especialmente os da Linha 9 Esmeralda, que leva a Interlagos. Isso porque essa é a linha que passa nas regiões mais ricas da cidade, como o Itaim Bibi e Avenida Berrini. Então não se preocupe, o trem é seguro e moderno, praticamente um metrô a céu aberto.

Mas pode estar lotado. Segundo o site oficial do festival, o Lolla 2018 acontece nos dias 23, 24 e 25 de março. Ou seja, começa numa sexta-feira, dia mais lotado nos trens de São Paulo. Peguei muito essa Linha 9, e ela é um inferno no horário do rush, que em São Paulo começa 17h e vai até 20h, em média. Então, se você vai no primeiro dia do Lollapalooza, cuidado com a hora do rush, seja no trem, nas marginais e em qualquer lugar de São Paulo, que trava completamente.

Esse mapa acima é oficial da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), com linhas de trem e metrô em São Paulo. O mapa interativo está aqui no site oficial.

A estação mais próxima do Autódromo de Interlagos é  a… Estação Autódromo. Então não tem erro. É só descer lá e andar cerca de 800 metros até a entrada do Lollapalooza. Com o grande público do evento, é só seguir a multidão, passando pelas ruas residenciais do bairro de Interlagos.

Horários dos trens: em dias de Lollapalooza, a CPTM costuma ampliar o horário de funcionamento dos trens. Essa informação do ano passado explica o funcionamento em 2017. Vamos esperar para ver como será agora em 2018.

Não vale a pena se hospedar em Interlagos

O bairro de Interlagos é muito longe da parte legal de São Paulo. É uma região completamente residencial, cheia de casas de classe média e pouquíssimos hotéis. Aliás, se for se hospedar em Interlagos, cuidado para não reservar um motel (a não ser que seja sua intenção mesmo).

Olhando no Booking, a único hotel bem avaliado na região é o Interlagos Small Resort. Não sei exatamente como é o caminho para ir a pé de lá para o autódromo.

E o Ibis Interlagos? Bom, ele fica a 5 km do autódromo e não recomendo fazer o trajeto a pé. Se quiser se hospedar lá, o jeito é apelar para táxi ou aplicativos de transporte, sujeitos a tarifa dinâmica.

Onde é melhor se hospedar para ir no Lollapalooza

Se você vai aproveitar o trem para chegar em Interlagos, a melhor dica é ficar perto de uma estação de trem ou metrô. Principalmente nas estações com acesso mais rápido a Interlagos. Por sorte, os melhores bairros de São Paulo têm fácil acesso à Linha 9 do trem.

Itaim Bibi e Vila Olímpia

Bares da moda e trajeto mais rápido até o Lolla

Considero o Itaim Bibi um dos melhores bairros para se hospedar em São Paulo. E lá tem a Estação Cidade Jardim, da mesma Linha 9 da CPTM. Ou seja, dá pra ir a pé até a estação de trem e embarcar direto para Interlagos, sem conexão. Em volta da estação Cidade Jardim é um tanto ermo, então não recomendo andar sozinho até lá à noite. Infelizmente não medi o tempo de viagem, mas calculo em mais ou menos 30 minutos do Itaim Bibi até Interlagos.

Aproveite que o Itaim Bibi tem os melhores bares e restaurantes de São Paulo, é plano e seguro para andar a pé e tem muitos hotéis. Não é um bairro de hotéis baratos e não tem hostel na região. Mas tem bons hotéis a bom custo-benefícios. As melhores localização são a do Tryp Itaim e a do Transamerica Executive Faria Lima.

Colada no Itaim Bibi, lotada durante o dia e sem vida à noite (quando fecham os shoppings), a Vila Olímpia também tem sua estação de trem, ainda mais perto de Interlagos. Os hotéis mais próximos da Estação Vila Olímpia são o Estanplaza, o Mercure JK e o Radisson Vila Olimpia. Um pouco mais afastado, o Caesar Vila Olímpia custa um pouco menos.

Perto da Paulista

Pontos turísticos clássicos e fácil conexão com trem

Com três estação de metrô da Linha Verde, a região da Avenida Paulista também tem fácil acesso à Linha 9 de trem que vai para Interlagos: é preciso fazer conexão na Linha Amarela (Estação Paulista) e depois na Estação Pinheiros para pegar o trem. Calculo a viagem de trem da Paulista até Interlagos em mais ou menos 1h40.

Os diferentes bairros que cercam a Avenida Paulista têm restaurantes, pubs, baladas e uma grande oferta de hotéis, hostels e hospedagem pelo Airbnb (use nosso código de desconto).

Nessa região, as dicas de hotéis são o San Gabriel, o Ibis Frei Caneca (principalmente público gay) e o Ibis Budget Paulista, que fica exatamente ao lado de uma estação da Linha Amarela do metrô, o acesso mais fácil possível ao Lolla a partir dessa região.

Também tem muitos hostels de qualidade perto da Paulista, como o The Hostel Paulista e o Soul Hostel.

Perto da Rua dos Pinheiros

Bom pra comer, beber e… ir para o Lolla

Meca hipster de São Paulo, a região da Rua dos Pinheiros é uma versão brasileiro do bairro novaiorquino de Williamsburg. Entre hamburguerias, mercados orgânicos e brechós, surgiu uma estação de metrô. É a Estação Fradique, da Linha Amarela, que faz conexão com a Linha 9 do trem. Ou seja, fácil acesso a Interlagos. Também não medi o tempo de viagem, mas calculo mais ou menos em 1h20.

Pinheiros não tem muitos hotéis, mas surgiram algumas boas opções de hostel perto do metrô, como o The Pod e o Backpackers.

Hotéis e hostels bem localizados para ir no Lollapalooza

Além dos hotéis indicados nos bairros acima, selecionei outros hotéis com fácil acesso ao trem que leva até o Lollapalooza. Lembrando que os bairros foram indicados por serem legais e terem fácil acesso ao Lolla, mas existem muitos outros bairros, hotéis e hostels perto do metrô em São Paulo, em outros bairros menos interessantes para se hospedar. Muitos deles estão no nosso guia Onde ficar em SP.

Pra facilitar, marquei todos os hotéis indicados no mapa, de azul. De vermelho, estão as estações de trem e metrô mais próximas e também a Estação Interlagos. De roxo, lá embaixo no mapa, está marcado o Autódromo José Carlos Pace, mais conhecido como Autódromo de Interlagos, onde será o Lollapalooza em 2018.

Alguma dúvida de como chegar e onde se hospedar para o Lollapalooza?

Impossível esclarecer todas as possíveis dúvidas de uma vez só. Então, se tiver alguma pergunta, é só mandar nos comentários aqui embaixo, que aí eu respondo o mais rápido possível (geralmente no mesmo dia). Então boa viagem e bons shows pra todo mundo no Lollapalooza.

Foto em destaque (Liliane Callegari) CC BY 2.0

 Como economizar na viagem:  

    • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
    • Seguros Promo: compare preços de seguro viagem (cupom de desconto: BUENASDICAS5)
    • RentCars: aluguel de carro pelo menor preço nas principais locadoras do mundo
Autor

Escreva seu comentário