A maior cidade do Canadá tem fama de desinteressante. Mas basta percorrer suas ruas pra ver que não é bem assim. Toronto tem atrações para todos os gostos, de praias e mirantes, a museus e bairros históricos. Veja quais são os principais pontos turísticos de Toronto para começar a planejar o que ver e fazer no seu roteiro.

Nas atrações que cobram ingresso, coloquei os preços oficiais e também dicas para pular fila ou fazer a visita junto a excursões. Todos os locais são bastante acessíveis, graças ao eficiente transporte público de Toronto.

1. CN Tower

Com 553 metros de altura, a CN Tower é o edifício mais alto do Canadá. O mirante principal fica a 342 metros. Chegamos lá pelo elevador panorâmico, que sobe numa velocidade de 22 km/h. A vista do Observation Deck, 360º, abrangendo o Lago Ontário, o centro financeiro, o estádio Rogers Centre, as ilhas e outros pontos turísticos de Toronto.

  • Preço do ingresso para o mirante principal: 38 CAD para adultos, 34 CAD para idosos e 28 CAD para crianças até 12 anos. Entenda os tipos de ingressos e compre pelo site oficial.
  • Todos os detalhes sobre a visita, atividades possíveis nas minhas dicas sobre a CN Tower.

2. Distillery District

Uma antiga destilaria de whisky, que ocupava o maior conjunto de edifícios em estilo vitoriano na América do Norte, deu lugar a uma das mais interessantes áreas comerciais e gastronômicas de Toronto. O local concentra lojas, cervejarias, cafés e restaurantes. Fica a menos de 3 km de distância do centro.

3. Toronto Islands

A cerca de 20 minutos de balsa do centro de Toronto, o pequeno arquipélago de Toronto Islands tem diferentes atrações. Lá estão o parque de diversões Centreville Amusement Park, o histórico e mal-assombrado Farol de Gibraltar, algumas praias, jardins e uma loja de aluguel de bicicletas. E um dos jeitos mais legais de explorar o máximo das ilhas, é justamente pedalando. Sem falar que de lá se tem a melhor vista de Toronto.

4. Old City Hall (Antiga Prefeitura de Toronto) e a praça Nathan Phillips Square

Essa clássica torre da foto, que lembra o Big Ben de Londres, está no prédio da antiga prefeitura de Toronto. Está ali desde 1899 e atualmente abriga o poder judiciário local. Em frente a ele está a praça com o letreiro de Toronto. É um lugar apenas para olhar e tirar lindas fotos.

5. Ripley’s Aquarium of Canada

Inaugurado em 2013, é o maior aquário do Canadá. Abriga mais de 15 mil animais marinhos de 450 espécies. Particularmente, prefiro não visitar aquários, por considerar uma forma de Turismo Cruel. Mas se você não liga pra isso, pode combinar com a vista à CN Tower, que ficam bem ao lado.

  • Preço do ingresso: 30 a 37 CAD para adultos, 20 a 25 CAD para adolescentes, 7 a 13 CAD para crianças e 20 a 25 CAD para idosos. Entenda os diferentes tipos de ingressos no site oficial.
  • Ou você pode gastar um pouco mais e comprar o ingresso fura fila no site GetYourGuide, que é parceiro do Buenas Dicas.

6. Scotiabank Arena, o estádio de hóquei no gelo

Eu fui assistir a um jogo de hóquei em Toronto e fui uma das coisas mais legais que eu fiz por lá. Um programa totalmente diferente do que estamos acostumados. Por si só, o estádio não é um ponto turístico, por isso recomendo checar a agenda de jogos e incluir uma partida na sua viagem. Fica ao lado da Union Station, principal estação de metrô de Toronto, então é muito fácil chegar lá.

7. Museu Real de Ontário (Royal Ontario Museum)

Com mais de 100 anos de idade e um misto de arquitetura clássica e futurista, por si só esse museu já é uma atração turística. Não é um museu apenas de arte. Lá estão mais de 6 mil objetos relacionados a temas como cultura universal e história natural. Entre meteoritos, esqueletos e réplicas de dinossauros, é possível passar horas a fio admirando seu acervo.

  • Preço do ingresso: 20 CAD para adultos, 17 CAD para idosos e 14 CAD para crianças (site oficial)
  • Dica esperta: o ingresso fura fila é o mesmo preço pelo site GetYourGuide

8. Casa Loma

Já pensou em conhecer um castelo no Canadá? Com 98 cômodos, a Casa Loma é um palacete em estilo medieval, construído de 1911 a 1914, para ser a casa do financista Henry Pellatt. Foi considerada a maior residência da América do Norte. Hoje é um ponto turístico de Toronto, onde estão expostas relíquias de época, como móveis, aparelhos eletrônicos antigos, louças, tapeçaria e objetos de decoração. Uma viagem no tempo.

  • Preço do ingresso: 32 CAD para adultos, 27 CAD para idosos e adolescentes e 22 CAD para crianças (site oficial)
  • Para quem gosta de conforto e guia turístico, o ingresso está incluso nesse City Tour em Toronto.

9. Yonge-Dundas Square

A multidão toma conta desse que é o cruzamento de duas importantes avenidas de Toronto. A alta concentração de gente, a vocação para eventos públicos e as grandes telas e letreiros coloridos fazem o local ser conhecido como A Times-Square de Toronto, em referência a Nova Iorque. Uma vez em Toronto, você vai naturalmente passar por aqui, pois fica em local estratégico no centro.

10. As praias de Toronto

Pode acreditar, tem praia em Toronto.  Às margens do Lago Ontário e com temperaturas acima de 20ºC no verão, é perfeitamente possível curtir esse lado inesperado na maior cidade do Canadá. Algumas praias estão próximas do centro, como Woodbine Beach e as praias de Toronto Islands.

11. St Lawrence Market, o melhor mercado público de Toronto

Pra quem gosta de comer bem e sem gastar muito, não há lugar melhor para visitar em Toronto. O St Lawrence Market é o mais turístico dos mercados públicos da cidade e guarda relíquias da culinária canadense, como o sanduíche de Peamel Bacon. Fica em localização estratégica no centro e combina com vários outros atrativos pelo caminho.

12. Rogers Centre, o estádio de beiseball

Com capacidade para até 53 mil pessoas, ele é o estádio do Toronto Blue Jays, uma das principais equipes de baseball do Canadá. Multiuso, ele também recebe partidas de futebol “normal” e futebol canadense (tipo futebol americano). Se pretende assistir a um jogo de baseball, mesmo sem entender nada, só pra entrar no clima, pesquise as datas dos jogos e coloque o estádio no seu roteiro. Ou apenas veja ele do alto da CN Tower. Se der sorte, pode até estar acontecendo um jogo lá embaixo.

13. Cataratas do Niágara

A apenas 130 km de distância de Toronto, fazer um bate e volta para as Cataratas do Niágara é essencial. Principalmente se você é fã do lendário Episódio do Pica-Pau nas Cataratas. Além, é claro, de toda a beleza da queda d’água mais volumosa da América do Norte, na divisa entre Estados Unidos e Canadá, e de uma infinidade de atividades, como:

  • Voo de helicóptero nas cataratas
  • Roda gigante das cataratas
  • Passeio de barco nas cataratas

Como chegar em Niagara: apesar da viagem de carro ou ônibus ser teoricamente mais rápida, com cerca de 1h30 de duração em horários de menor fluxo de veículos, recomendo ir de trem para evitar o trânsito pesado e garantir que chegará lá em menos de 3 horas.

Turismo em Toronto. Salve nossas dicas de pontos turísticos no seu Pinterest e acesse quando estiver planejando a viagem.

A foto das Cataratas do Niágara foi tirada por @kalenemsley e está disponível em banco de imagens grátis.

Viajar com tudo reservado é bem melhor
  • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  • Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  • RentCars: aluguel de carro pelo menor preço em dezenas de países
  • Get Your Guide: ingressos e tours para atrações no mundo inteiro

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

Autor

Criador e principal editor do Buenas Dicas, o blog do viajante inteligente (que é você 😄). Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários