Espanha

Os 6 documentos necessários em viagem à Espanha

Lista de documentos obrigatórios para viajar à Espanha como turista.

Antes de viajar à Espanha, é preciso organizar uma série de documentos para apresentar na chegada ao país. Esteja preparado para passar pela imigração espanhola, especialmente pela rigorosa inspeção no Aeroporto de Barajas, em Madrid.

Saiba quais são os documentos obrigatórios em viagem de turismo à Espanha, e também os documentos que, apesar de exigidos em outros países, não são solicitados em solo espanhol.

COVID-19. A Espanha ainda impõe exigências sanitárias relacionadas à pandemia. É preciso apresentar pelo menos um destes três documentos: Certificado digital de vacinação contra COVID0-19 ou teste negativo ou prova de recuperação da doença. Confira informações atualizadas no site oficial: travelsafe.spain.info

Documentos NÃO obrigatórios: na Espanha, não é preciso apresentar o CIVP e até o momento não existe a necessidade de visto para turistas com permanência inferior a 90 dias na país ou no Espaço Schengen.

Documentos obrigatórios em viagem para a Espanha

Confira a lista de documentos obrigatórios para turistas brasileiros na Espanha, com dicas sobre validade, valores e links oficiais onde são disponibilizadas informações atualizadas pelo governo espanhol. Esteja você chegando por Madrid, Barcelona ou outro aeroporto na Espanha.

Embora apenas o passaporte seja de fato SEMPRE solicitado pela imigração, é importante ter todos os documentos e comprovantes abaixo em sua posse, para evitar ser barrado caso enfrente uma fiscalização mais severa na chegada à Espanha.

1. Passaporte válido

Primeiro documento a ser conferido pelo fiscal de imigração na Espanha. Não basta que seu passaporte esteja dentro da data de validade. É preciso que, na sua data de retorno, ainda faltem 3 meses para o vencimento.

Solicite seu passaporte no Site Oficial da Polícia Federal. Devido à possibilidade de atrasos, a própria PF recomenda que você compre sua passagem apenas quando já tiver o passaporte.

2. Passagem de volta ou saída da Espanha

Não viaje à Espanha sem uma passagem de volta ao Brasil, ou de saída do Espaço Schengen, tratado europeu do qual a Espanha faz parte. Embora não seja sempre solicitado, o comprovante de saída do território é um documento obrigatório.

O tempo máximo de permanência como turista na Espanha é de 90 dias. Esse período é compartilhado com outros membros do Espaço Schengen. Exemplos: se você passar 45 dias na Espanha e 45 dias na Alemanha, o tempo é somado e chega ao limite.

3. Seguro viagem obrigatório na Espanha

Apesar de manter um tratado de saúde com o governo brasileiro, a Espanha é um membro do Espaço Schengen. Dessa forma, turistas brasileiros devem obrigatoriamente possuir um plano de seguro viagem com a cobertura mínima de 30 mil euros, ou equivalente em outra moeda, para despesas médicas e hospitalares.

A assistência de saúde deve abranger todo o período da viagem. Não existe a obrigatoriedade de que seja um seguro com cobertura para tratamento de COVID-19. Neste site de seguro viagem, é possível encontrar planos com ótimo custo-benefício.

4. Comprovante de hospedagem

Viaje para a Espanha sempre com sua hospedagem reservada. Tenha o endereço do seu hotel ou casa anotado, para fornecer ao fiscal quando lhe for solicitado. A cobrança desse documento é ocasional, mas não deixa de ser um comprovante obrigatório.

Em caso de hospedagem em casa de amigos ou familiares, é recomendável apresentar uma carta-convite do seu anfitrião, junto a uma cópia do documento de identidade ou passaporte do mesmo. Obviamente o anfitrião deve ser cidadão espanhol ou estrangeiro vivendo em situação legal no país.

5. Comprovante financeiro – Valores mínimos na Espanha

Se o fiscal solicitar, prove que você é capaz de se manter financeiramente durante sua viagem à Espanha. O valor mínimo exigido é de 100 euros por dia por pessoa, ou uma quantidade mínima de 900 euros, segundo o Consulado Geral da Espanha. Repare que a regra não é clara, portanto a dica é levar um valor pelo menos aproximado a esses.

O montante pode ser comprovado com dinheiro em espécie, cartões pré-pagos de viagem ou limite em cartão de crédito internacional. O consulado informa que as provas não podem ser mostradas na internet. Dessa forma, entendo que é necessário ter os comprovantes impressos, de preferência pelas próprias instituições financeiras.

Apesar de ser uma regra, é algo raramente inspecionado nos aeroportos. Caso chegue a esse ponto na sua viagem, provavelmente você está passando por um pente-fino.

Texto oficial sobre comprovação financeira para viagem à Espanha:

“La cantidad que se ha de acreditar deberá alcanzar diariamente el 10% del salario mínimo interprofesional, fijado en 1000 euros por el Real Decreto 152/2022, de 22 de febrero para 2022, por lo que la cantidad mínima exigida es de 100 euros por persona y día. En todo caso, y con independencia del número de días de estancia, se exigirá una cantidad mínima de 900 euros o su equivalente en divisas.” (exteriores.gob.es)

6. Vacinação COVID-19 ou recuperação da doença

Diferente de outros países da Europa, a Espanha continua com restrições sanitárias devido à pandemia de COVID-19. Até o presente momento, em agosto de 2022, é preciso apresentar comprovante de vacinação, ou teste negativo, ou prova de recuperação da doença.

Como essas recomendações podem ser retiradas ou alteradas a qualquer momento, confira atualizações oficiais, assim como documentos quem podem ser solicitados, nos sites de turismo do Governo Espanhol:

Todas as vacinas aplicadas no Brasil (Coronavac, Pfizer, Janssen e Astra-Zeneca) são aceitas para acesso à Espanha, assim como suas combinações de doses.

Agora que você já sabe quais são os documentos obrigatórios para viagem à Espanha, continue aqui no blog planejando seu roteiro a destinos como Madrid, Barcelona, Sevilha e Santiago de Compostela, entre outros dos melhores destinos da Espanha. Boa viagem.


Crédito: a foto acima, em Madrid, é de Korng Sok (CC). Demais imagens são de bancos de fotos e do nosso acervo pessoal.

Viajar com tudo reservado é bem melhor

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

        • Utilize o cupom BUENASDICAS5 na Seguros Promo e tenha   5% de desconto  em seguro viagem
        • Acesse o site O Meu Chip por esse link e tenha   15% de desconto  usando o cupom CHIPMAISBARATO

Criador e editor do Buenas Dicas, o blog de viagem super sincero. Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários