Europa

Eurotúnel: como é viajar de Bruxelas a Londres de trem

Viajei da Bélgica à Inglaterra de trem, passando pelo Eurotúnel. Veja preços de passagem, distâncias e como é cruzar o Canal da Mancha a bordo do Eurostar.

Sim, é possível ir de Bruxelas a Londres de trem, cruzando o Canal da Mancha pelo Eurotúnel.

Fiz essa viagem em julho de 2022 e agora conto todos os detalhes, incluindo a imigração antes do embarque, curiosidades acerca do trem, e sobretudo como foi a experiência de cruzar o mar por uma das realizações mais ousadas da engenharia moderna.

A rota Paris-Londres pelo Canal da Mancha é muito mais conhecida. Mas, caso esteja na Bélgica, não é preciso ir até a capital francesa. Vá direto e agilize seu Roteiro de trem na Europa. A rota Bruxelas-Londres passa por Lille e Calais, e depois segue pelo Eurotúnel, o mesmo por onde passam os trens que saem de Paris.

Resumo da viagem de trem de Bruxelas a Londres
        • Tempo de duração da viagem: 2 horas e 12 minutos.
        • Distância percorrida: 317 quilômetros.
        • Velocidade máxima do trem: 334 km/h na minha viagem.
        • Preço da passagem: a partir de 44 euros nas datas pesquisadas.

Onde comprar a passagem do trem de Bruxelas para Londres

Assim como a ligação entre Londres e Paris, o trem que vai de Bruxelas a Londres é operado pelo Eurostar. É o site oficial e onde comprei minha passagem.

Mas, dependendo da data e do horário, é possível comprar o bilhete bem mais barato em outros sites.

Por exemplo, pesquisando agora para viajar no final de semana, uma passagem classe Standard que está a 184 euros no site oficial, é vendida por 158 euros no site Rail Europe. Um considerável economia de 26 euros.

Saiba também que comprar ida e volta, assim como em cias aéreas, pode ser mais barato. Procurando para uma quinta-feira, encontrei agora passagem apenas de ida por 69 euros. Mas, se comprar ida e volta, cada trecho sai por 44 euros.

As passagens mais baratas eu encontrei em dias de semana.

Embarque no trem de Bruxelas para Londres

O trem parte da estação Brussels-Midi, próxima ao centro e conectada ao metrô de Bruxelas.

Chegue com pelo menos 2 horas de antecedência, pois é preciso passar pela imigração. Lembrando que a Inglaterra não faz parte do Espaço Schengen e que o Brexit enrijeceu ainda mais as exigências nas fronteiras.

Havia fila e segurança dignas de um aeroporto. Inclusive com relação à bagagem. Precisei descartar um desodorante devido à regra de transporte de itens em aerosol.

Dentro do trem da Eurostar de Bruxelas a Londres

Superou as expectativas. O trem que viajei possui cabines modernas, bagageiro interno e assentos confortáveis, embora apertados, além de banheiro, cafeteria e Wi-Fi.

Minha percepção sobre cada item:

  • Assentos: duas poltronas de cada lado. Achei o espaço apertado como num avião.
  • Bagageiro: acomodei minha mala, padrão bagagem de bordo, no espaço acima do assento. Malas maiores devem ir nos suportes nas extremidades das cabines.
  • Banheiro: não utilizei.
  • Wi-Fi: o sinal 3G e 4G do Eurostar oscila em terra firme, e sumiu completamente no túnel abaixo do mar.
  • Cafeteria: funciona numa cabine própria e o cardápio é extenso. Preços aceitáveis. Por exemplo, o croissant a 2,20 euros e a sopa de tomate a 4.95 euros.

Trajeto e velocidade do trem de Bruxelas a Londres

Na França, as principais cidades no rota do trem são Lille e Callais. Ao entrar no Reino Unido, o comboio passa por Ashford e Ebbsfleet.

Esse trajeto, digamos, em terra firme, corresponde à maior extensão da viagem. É também quando o trem atinge sua velocidade máxima.

Aliás, é possível acompanhar a velocidade do trem pelas telas da cabine. Quando observei, o trem estava a 334 km/h.

Dentro de túnel abaixo do Canal da Mancha, com seus 50 km de extensão, a locomotiva reduz a velocidade.

Cabe dizer que não é uma rota cênica. Apesar de ser interessante passar por baixo do mar, não reparei em nenhuma paisagem realmente bonita pela janela. Somente cidadezinhas e zonas industriais.

Chegada do trem a Londres

Na capital inglesa, o desembarque foi na Estação de St. Pancras. Praticamente sem burocracia.

A estação de trem é conectada ao metrô de Londres pela Estação de King’s Cross. Além de movimentada, ela tem apelo turístico aos fãs da saga Harry Potter, pois é onde fica, nos livros, a Plataforma 9¾, onde passa o Expresso de Hogwarts.

Agora em solo londrino, aproveite para conhecer tudo o que apresentamos em nosso Roteiro de 3 dias em Londres, um guia completo com passeios e pontos turísticos imperdíveis.

Em caso de dúvidas, dicas ou sugestões, basta escrever na área de comentários aqui abaixo.

Boa viagem!

Viajar com tudo reservado é bem melhor

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

        • Utilize o cupom BUENASDICAS5 na Seguros Promo e tenha   5% de desconto  em seguro viagem
        • Acesse o site O Meu Chip por esse link e tenha   15% de desconto  usando o cupom CHIPMAISBARATO

Comentários