Salerno

Salerno, Itália: o charme de uma grande cidade na Costa Amalfitana

Entre vizinhas famosas como Nápoles e Capri, quase ninguém dá atenção a Salerno. Mas a cidade também tem seus atrativos e merece um dia do seu roteiro pela Costa Amalfitana. Veja o que fazer em Salerno, com dicas de pontos turísticos, hospedagem e restaurantes.
Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Salerno é uma das cidades menos visitadas da Costa Amalfitana, ofuscada pela beleza de vizinhas como Sorrento, Positano e Ilha de Capri. Mas já adianto que vale a pena conhecer Salerno. Saiba como chegar, o que fazer, onde se hospedar e mais dicas dela que é uma das maiores cidades da região, mas ainda guarda aquele clima de interior.

Visitar Salerno foi um acaso do destino. Eu estava em Pompeia e a ideia era seguir para Positano. Mas errei de estação e o próximo trem era para Salerno. E lá fui eu. Foi um bate e volta rápido, mesmo assim deu tempo de conhecer os principais pontos turísticos e observar as melhores localizações da cidade.


Sobre Salerno:

  • População: 133 mil habitantes (censo de 2018)
  • Distância de Nápoles: 54 km
  • Distância de Sorrento: 56 km
  • Distância de Roma: 266 km

Roteiros que combinam com Salerno:


Como chegar em Salerno

Salerno é um importante entroncamento de trens e tem duas estações. A Estação Salerno Duomo, próxima ao centro histórico, e a Estação Salerno, a mais importante e central. A dica é chegar pela primeira e ir embora pela segunda, assim pode percorrer toda a região turística a pé e sem subir ladeira.

Trens de Nápoles para Salerno

As duas companhias férreas que passam em Salerno são a moderna Italo e a onipresente Trenitalia, geralmente mais barata. Uma passagem de Nápoles a Salerno custa a partir de 4,70 €. Fique atento ao tempo de viagem, pois há trens rápido e diretos e trens que vão parando pelo caminho. O trem mais rápido dura cerca de 40 minutos.

Trens de Roma para Salerno

Para quem vai a partir de Roma, o trem mais rápido tem duração de 1h30 e custa acima de 50 €. Os trens mais baratos, por volta de 16 €, são bem mais lentos, levando até 4 horas de viagem. Se a ideia é fazer um bate e volta, compensa gastar um pouco mais no trem rápido.


O que fazer em Salerno em 1  dia

Apesar de não ter a magnitude arquitetônica de Nápoles ou as belezas naturais de Capri, alguns pontos turísticos de Salerno merecem ser visitados. Vou listar o que tem pra fazer na cidade num roteiro de 1 dia.

Centro histórico

Apesar de pequeno e mal cuidado, o centro histórico de Salerno tem bonitos edifícios que merecem ser visitados, como a Catedral de Salerno (Duomo Salerno) e o Templo de Pomona. Andar por suas ruelas é interessante pra ver uma cidade italiana sem o turismo massivo.

Corso Vitorio Emanuelle 

Em parte exclusiva para pedestres, essa é a principal rua para o turismo em Salerno. Repleta de lojas e restaurante, também tem livrarias, cafés, hotéis e pousadas. É um lugar imprescindível para visitar num bate e volta. Inclusive porque tem localização estratégica, entre as duas principais estações de trem.

Calçadão beira-mar (Lungomare di Salerno)

Foi andando nessa região que senti até vontade de morar em Salerno. Com vista para a montanha, o calçadão na orla da cidade é arborizado e tem uma extensa pista para correr e pedalar. No mar, centenas de barcos. Da marina saem passeios para Capri.

A praia de Salerno – Dica pro verão

Apesar de ser na afamada Costa Amalfitana, a praia de Salerno não é lá grande coisa. A poucos passos do centro histórico, a Spiaggia Santa Teresa tem uma curta faixa de areia escura e mar geralmente tranquilo, protegido das ondas pelos deques e marinas. Mas, se for no verão, aproveite para se refrescar.

Paestum, o templo grego

A 50 km de distância de Salerno, a antiga cidade de Paestum (traduzida como Pesto, igual ao molho) guarda três grandes templos gregos. Confesso que fiquei sabendo desse sítio arqueológico somente depois da viagem para Salerno. Então não faça como eu e vá conhecer. Dá pra ir de trem e tem dicas no blog 360 Meridianos.

Onde comer em Salerno – Dicas de restaurantes

Vamos começar pela sobremesa? Típico do sul da Itália, o “brioche con gelato” é comum em Salerno. Trate-se de um sanduíche de sorvete. Claro que você não precisar ousar e pode pedir apenas sorvete. Opção não faltam, pois há dezenas de gelaterias em Salerno.

Pra almoçar ou jantar, saiba que os melhores restaurantes estão no quarteirões próximos ao mar. Por exemplo, no centro histórico, a Osteria Nonna Maria é muito tradicional, especializada em comida romana. O Vasilico, outro bom exemplar de culinária italiana, fica bem próximo.

Se quiser pizza, a Pignalosa é uma das mais recomendadas. Agora, se está com muita fome e quer dar um tempo em pratos italianos, vá comer ao Burger Bar Cargo, uma hamburgueria com temática esportiva, que funciona todos os dias até altas horas. Bom pra fazer aquele lanche no meio da tarde ou início da madrugada.


Hospedagem em Salerno – Onde ficar e dicas de hotéis

Se prefere evitar o caos de Nápoles e os preços altos de Capri, saiba que Salerno é uma boa alternativa e tem ótima infraestrutura. Bom para quem viaja com crianças ou idosos e prefere evitar locais ermos. Sobre melhores localizações, recomendo ficar na região mais turística mesmo, perto do centro histórico e da rua Vitorio Emanuelle.

Hotéis perto da estação de trem

Pertinho da principal estação de trem e com fácil acesso aos passeios de barco, a pousada B&B Salernoway tem ótimo custo-benefício.

Se prefere hotel, o 4 estrelas com melhor localização em Salerno é o Hotel Monastella. É muito bem avaliado e fica no próprio Corso Vittorio Emanuele. Bom que dá pra fazer tudo a pé, desde explorar os restaurantes próximo, o centro histórico e ir embora de trem pela Estação Salerno, a apenas 600 metros do hotel.

Hotel central com vista pro mar

Já no miolo turístico, entre o mar e o centro, a Capofortuna é outra pousada bem avaliada e com preços razoáveis, em média de R$ 200 a R$ 300 a diária, em quarto de casal com cama grande e ótimo banheiro. Inclusive tem uma opção de quarto com vista pro mar, para quatro pessoas.

Hotel barato no centro histórico

O B&B Il Vicolo Della Neve é uma das pousadas mais baratas no centro de Salerno, perto dos lugares históricos da cidade. É possível encontrar diárias com valores abaixo de R$ 190. Na mesma região, a pousada Bedroom 21 tem acomodações mais simples e preços mais baixos, sendo possível se hospedar por menos de R$ 150 por dia. Lembrando que os preços variam de acordo com a demanda, que varia principalmente de acordo com a época do ano e do dia da semana.

Créditos: Todas as fotos são de autoria própria do blog Buenas Dicas, exceto a foto do Paestum, de Scapim, publicada em banco de imagens gratuitas.

Mais dicas de viagem para a Itália:

Viajar com tudo reservado é bem melhor
  • Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  • Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  • RentCars: aluguel de carro pelo menor preço em dezenas de países
  • Get Your Guide: ingressos e tours para atrações no mundo inteiro

Descontos para economizar na viagem (e antes dela)

Criador e principal editor do Buenas Dicas, o blog do viajante inteligente (que é você 😄). Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

Comentários