Onde ficar em Roma é sempre uma dúvida na hora de planejar a viagem pela Itália. Mas é simples escolher. Apesar de ser grande e populosa, a capital italiana concentra os melhores bairros para o turismo numa região pequena , onde estão pontos turísticos, hotéis, hostels, pousadas, restaurantes e lugares históricos. Entenda onde é melhor ficar hospedado em Roma.

Pra não deixar você com ainda mais dúvidas, selecionei apenas os 3 melhores bairros de Roma, com dicas de hotéis perto do metrô, pousadas baratas ou com bom custo-benefício e lugares onde vale a pena se hospedar. Veja também minhas percepções sobre segurança em Roma, afinal a cidade tem lugares má afamados, como perto da Estação Termini.

Os 3 melhores bairros de Roma para se hospedar

Para escolher onde ficar em Roma, saiba que você não pode ter tudo em um lugar só. É impossível ficar num hotel barato, num bairro tranquilo e perto dos pontos turísticos.

  1. Centro Histórico 
  2. Trastevere
  3. Termini

 

1. Centro Histórico (Onde ficar em Roma)

É onde fica praticamente tudo o que interessa para o turismo em Roma. Nessa região estão a Piazza Navona, o Panteão, a Fontana di Trevi, o Coliseu e dezenas de outros pontos turísticos. Pra quem gosta de fazer tudo a pé, não tem bairro melhor. Atrações fora dos limites do bairro também são próximas, como Vaticano, Castelo de Sant’Angelo e Villa Borghese.

O Centro de Roma tem grandes avenidas e locais muito movimentados, mas também é possível encontrar lugares tranquilos, como nas históricas ruas estreitas. O que não dá pra evitar é a beleza das imponentes construções, como igrejas, palácios e fontes. Sem dúvidas um dos melhores lugares onde ficar em Roma.

→ Dicas de hotéis no Centro Histórico de Roma

Primeiro, já adianto que não existe hotel bom e barato nessa região, afinal aqui se concentram alguns dos pontos turísticos mais visitados do mundo. Pra ser ter uma ideia, somente o Coliseu recebeu nos últimos anos quase o mesmo número de turistas que o Brasil inteiro. Perto do Rio Tibre, a Casa De Fiori Apartments tem bom custo-benefício e localização estratégica, perto do Vaticano e do Trastevere.

Subindo em direção ao Pantheon, gosto da localização e dos preços (nas datas pesquisadas) do Hotel Santa Chiara. Além do vizinho famoso, o hotel fica a meio caminho da Piazza Navona e da Piazza Venezia (aquela do trânsito louco, que aparece no início no filme Para Roma com Amor, do Woody Allen).

Pra finalizar, subi um pouco mais, passando pela Fontana di Trevi, e encontrei o Spagna Ave, um hotel que também fica perto da Piazza Barberini e da famoso Piazza Spagna. Andando um pouco mais, se chega também ao parque Villa Borghese.

 

2. Trastevere (Onde ficar em Roma)

Do outro lado do rio, afastado da superlotação do centro histórico, o Trastevere é o bairro mais charmoso de Roma. Algumas de suas estreitas ruas de paralelepípedo estão repletas de bares, pizzarias e restaurantes. Pousadas charmosas se escondem em ruas tranquilas, sem a muvuca dos turistas. Com o Rio Tibre ao fundo, o pôr-do-sol no bairro parece saído de uma pintura.

Mas ande logo. Sua chance de se hospedar no Trastevere ainda não totalmente invadido é agora. No meio do caminho entre o Centro Histórico e o Vaticano, o bairro se encaminha para a superpopulação turística, tão comum em Roma.

→ Dicas de hotéis no Trastevere

Numa rua sem saída, sem vizinhos barulhentos, o hotel Villa Riari é a escolha certa para quem busca tranquilidade, mas sem abrir mão de estar perto dos restaurantes do Trastevere e dos pontos turísticos do Centro Histórico, que fica logo depois da ponte, ali perto.

Já no miolo do Trastevere, perto da Basílica de Santa Maria em Trastevere, a dica de hospedagem é o hotel Rhea Silvia Luxury, que agrada quem gosta de design e modernidade. Por ter preços que considero baratos para a região e nota acima de 9 nos sites de avaliações, ele costuma esgotar rápido.

 

3. Termini (Onde ficar em Roma)

Perto do centro, fica ao lado da principal estação de metrôs e trens de Roma, e tem muitos hostels e pousadas baratas para a média de Roma. Mas o entorno da Estação Roma Termini também tem seus defeitos, como ruas mais sujas e uma fama de lugar pouco seguro.

Particularmente, não vi nada de assustador na região da Termini. Longe de ser perigoso como uma beira de rodoviária no Brasil ou como a Napole Centrale, em Nápoles, a região é apenas menos limpa e menos segura do que o Centro Histórico de Roma. Com atenção, pode andar durante o dia com suas malas e câmeras. À noite, como em todo lugar, tenha cuidado redobrado e evite entrar sozinho em becos.

Fonte na Piazza della Repubblica, perto da Estação Roma Termini | Foto (CC) de David McKelvey
Interior da Estação Roma Termini | Foto (CC) de David McKelvey

Apesar da má fama, a região tem prédios de incrível beleza e, por mais que não esteja hospedado por aqui, vale a pena fazer uma visita. Mesmo que seja apenas a caminho da estação, de onde saem trens para toda a Itália. Além disso, a estação é útil para fazer turismo em Roma, pois, mesmo que o metrô romano não seja lá muito prático, essa linha vermelha vai direto para o Centro Histórico e para as imediações do Vaticano. Com bom custo-benefício, é um dos melhores lugares onde ficar em Roma.

→ Dicas de hotéis e hostels perto da Termini

A primeira dica é um hostel muito perto da estação, que também tem quartos individuais, o Generator Rome, que ocupa um bonito prédio, daqueles bem ao estilo romano.

Agora, se o seu negócio é privacidade e evitar desconhecidos puxando conversa (o que é muito comum em hostel), é melhor ficar hospedado em hotel mesmo. Nesse caso, indico um dos hotéis com melhor custo-benefício da região, o Hotel Impero. Simulando uma reserva, reparei que ele é daqueles que oferece preços mais baixos para reservas em cima da hora. Isso, claro, se não estiver lotado e principalmente em baixa temporada (entenda aqui quando é melhor viajar para Roma)

E você, tem mais dicas de onde ficar em Roma?

Em diferentes viagens, percorri o máximo que pude da capital italiana. Mesmo assim, é impossível percorrer todas as ruas, mesmo que somente nos melhores bairros para ficar hospedado. Então, se você tem alguma experiência para contar, alguma dica de hotel barato, de hostel animado, de pousada bem localizada e com bom custo-benefício, pode mandar pra gente pelos comentários abaixo.

Caso tenha alguma dúvida sobre onde ficar em Roma, não se envergonhe e pergunte! Qualquer dúvida sobre os bairros de Roma, sobre onde se hospedar para fazer tudo a pé, onde é mais seguro e sobre localizações de hotéis, pousadas e albergues na capital italiana. Eu tenho o maior prazer em responder e ajudar todo mundo a realizar essa viagem para uma das cidades mais grandiosas do mundo.

E boa viagem!

Para planejar sua viagem:  
  1. Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  2. Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  3. RentCars: aluguel de carro pelo menor preço nas principais locadoras do mundo
Viaje com descontos:
  1. 100 reais de desconto no Airbnb
  2. 5% ou mais de desconto em Seguro Viagem
Autor

Criador e principal editor do Buenas Dicas, o blog do viajante inteligente (que é você 😄). Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

2 Comments

    • Sim! Principalmente para quem escolher bem onde ficar. Por exemplo, num hotel ou hostel localizado em algum desses 3 bairros das dicas. :)

Comentários