Julho é alta temporada em alguns dos melhores destinos de viagem do Brasil. No mês que boa parte dos brasileiros tira férias, o clima está perfeito em muitas praias, destinos de inverno e parques de diversão. Em mais um post da série Viagem Brasil, veja para onde viajar em julho em nosso país.

Como julho é mês de férias escolares, nessa seleção vou privilegiar destinos que são melhores para viajar em família. Então tem ótimos lugares para ir com crianças, mas que também fazem a alegria dos adultos, como parques temáticos e aquáticos.

 

1. Caldas Novas e Rio Quente | No frio é melhor!

Para viajar com crianças, não tem lugar melhor no Centro-Oeste. A capital das águas quentes é um paraíso de hotéis, clubes e parques aquáticos com ótimas piscinas e infraestrutura. A primeira dica é escolher um hotel bom boas piscinas e toboáguas, pra poder ficar tranquilo. Pra variar, vale a pena explorar bons clubes como o HotPark e o DiRoma Aqcua Park. E prepare-se para as filas, porque em julho tudo fica lotado, especialmente aos finais de semana.

Apesar da lotação, o clima em julho é um dos melhores do ano em Caldas Novas e Rio Quente. Então aproveite a rara chance de friozinho do lado de fora, a probabilidade quase zero de chover, e curta as melhores piscinas de águas quentes do Brasil. Veja também mais dicas do Rio Quente.

No estado de Goiás, julho também é um bom mês para curtir as cidades históricas de Pirenópolis e Goiás Velho.

 

2. Fortaleza e outras praias do Ceará | Diversão pra família inteira

Enquanto as praias de Fortaleza deixam a desejar, o mesmo não se pode dizer do maior parque aquático do nordeste, o Beach Park. Os toboáguas a atrações agradam crianças e adultos, assim como sua imensa estrutura em frente à praia de Porto das Dunas. (Depois do último acidente fatal, não recomendo visitas ao Beach Park, que precisa cuidar mais da segurança de seus clientes).

Redes e aluguel de caiaque na Lagoa do Paraíso

Agora, se você não gosta de muvuca e odeia fila e gritaria, melhor ir para outro paraíso cearense, Jericoacoara. Apesar de estar mais cheia de gente após a inauguração do aeroporto, ainda é possível curtir o silêncio nas longas praias do Parque Nacional de Jericoacoara. Se vai pra lá, dá uma olha nesses Roteiros de 2, 3 e 4 dias em Jeri que eu montei.

 

3. Gramado e Canela | Alta temporada e ótimos parques

Para combinar as férias das crianças com programas de inverno cheios de charme, não tem lugar melhor do que a Serra Gaúcha. Entre as atrações infantis, estão lugares como o Parque Terra Mágica Florybal, o Alpen Park e a Aldeia do Papai Noel.

Montanha-russa do Alpen Park, em Canela

 

4. Brotas, Olímpia e outras cidades do interior de São Paulo | Adrenalina ou tranquilidade

Quem mora na capital paulista tem dezenas de possibilidades para viajar em julho. Para curtir em família, as melhores opções são Brotas, referência em turismo de aventura, e Olímpia, estância de águas termais repleta de clubes como o famoso Thermas dos Laranjais e o novo Hot Beach Olímpia.

Para casais sem filhos, outro bom destino é Campos do Jordão. A cidade, na Serra da Mantiqueira, vive o auge da alta temporada, com temperaturas que podem ficar abaixo de 0 ºC. Perfeito para comer muito fondue e se acabar em chocolate. Por causa da superlotação, é melhor pesquisar bem onde se hospedar em Campos do Jordão e reservar seu hotel com bastante antecedência.

 

5. Paraty | História, praia e FLIP

Além de ruas históricas, cafés charmosos e praias, Ilhabela tem um atrativo a mais em julho: a Festa Literária Internacional de Paraty, mais conhecida como FLIP. Em 2018 o evento acontece de 25 a 29 de julho.

Ressalvas: a FLIP deixa as pousadas de Paraty bem mais caras do que o normal e é importante reservar com antecedência (veja aqui hotéis em Paraty). Por isso, vá apenas se você realmente gosta do evento ou pretende ver como é, porque a lotação da cidade pode incomodar, começando pelo trânsito até lá.

 

6. Lençóis Maranhenses | No agito da alta temporada

Sim, essa paisagem aqui embaixo é real e a foto é amadora, minha mesmo. Em julho os Lençóis Maranhenses estão exatamente assim, ensolarados e com as lagoas cheias. Auge da alta temporada, julho é o mês mais cheio de gente, então é preciso programar bem e com antecedência as hospedagens nas cidades de Barreirinhas e Atins, principais cidades base pra explorar a região.

Antes de viajar, veja também estas dicas dos Lençóis Maranhenses, onde tem informações sobre transporte, atrações, roteiro e o que esperar dessa viagem.

 

7. Balneário Camboriú e Beto Carrero World | Muito além das praias

Julho é o mês menos chuvoso do ano no litoral de Santa Catarina. Mas isso não significa que dá praia. Com sol e clima gelado (temperaturas médias entre  10 ºC e 21 ºC) em Balneário Camboriú, é legal aproveitar outras atrações, como o teleférico do Parque Unipraias, os passeios de barco pirata e as atividades no calçadão da orla. E a apenas 36 km de BC está o parque temático Beto Carrero World.

No Beto Carrero World, que já foi eleito o melhor parque de diversões do Brasil, estão atrações como a Montanha-russa Dum Dum, o Trenzinho Vila Esperança, a Caverna dos Dinossauros o Crazy River e muitas outras atividades para adultos e crianças passarem pelo menos dois dias inteiros se divertindo. Antes de viajar, entenda onde é melhor se hospedar em Balneário Camboriú.

 

Mais parques, cidades e lugares para viajar em julho no Brasil

Pra quem gosta de praia, as melhores nesse mês estão no nordeste. É a época perfeita para fazer a famosa Rota das Emoções, que passa por lugares como Lençóis Maranhenses, no Maranhão, Delta no Parnaíba no Piauí, e Jericoacoara, no Ceará. Mais ao sul no nordeste, ainda é tempo de chuvas, como em João Pessoa, Natal, Maceió, Aracaju, Recife e Salvador.

Apesar de chover bem menos do que o normal, o litoral de São Paulo costuma ser frio em julho. Vale a pena ir pra curtir o visual e outras atividades, mas fica complicado entrar no mar gelado. No litoral da região sul é mais frio ainda. No Rio de Janeiro e no Espírito Santo, o frio também atrapalha os planos dos banhistas.

Outros bons destinos são os parques nacionais. Em julho, é praticamente impossível chover na Chapada dos Veadeiros, em Goiás, e a temporada de incêndios costuma começar somente em setembro. Julho também é uma boa época na Chapada Diamantina, na Bahia, mas vá preparado para o frio, com temperaturas que facilmente ficam abaixo de 10 ºC. Imagine então a água das cachoeiras.

Além destes, há muitos outros destinos para onde viajar no Brasil em julho. Se tiver alguma dica ou dúvida, é só postar nos comentários, aqui embaixo. Respondo sempre o mais rápido possível.

Para planejar sua viagem:  
  1. Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  2. Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  3. RentCars: aluguel de carro pelo menor preço nas principais locadoras do mundo
Viaje com descontos:
  1. 100 reais de desconto no Airbnb
  2. 5% ou mais de desconto em Seguro Viagem
Autor

Criador e editor-chefe do Buenas Dicas. Contato: nivaldo@buenasdicas.com

Escreva seu comentário