Desde que voltei do meu intercâmbio em Malta, penso em dar essas dicas pra quem está planejando a viagem. E finalmente saiu do forno! Então aqui vão algumas dicas sobre custo de vida e preços em Malta, considerando compras, restaurantes, ônibus, bebidas, festas e o que mais eu me lembrar enquanto escrevo.

• Veja também:

Onde ficar em Malta

Melhor época em Malta: quando ir?

Custo de vida em Malta

Compare preços de seguro viagem

Então em Malta é tudo tão barato assim?

Nem tudo! Gastar pouco depende muito do seu estilo de vida. Eu, por exemplo, não fiz um intercâmbio ostentação. Mas também não me privei de jantar fora, de fazer passeios legais e de sair à noite. Depende de cada um saber balancear o número de almoços fora com o número de refeições em casa. Só pra citar o ponto mais básico.

Quanto custa tal coisa em Malta?

blue lagoon malta

Primeiro, preciso admitir que sou um péssimo blogueiro de viagem no quesito ANOTAR PREÇOS. Mas eu me lembro dos preços médios das coisas, principalmente comidas em restaurantes, bebidas em baladas e moradia. Até porque ainda tenho o boleto de pagamento e é sempre possível conferir os valores atualizados lá no site da Descubra o Mundo.

Itens de mercado, só me lembro dos que mais comprava, como massa e atum. Mas, pra montar esse guia praticamente completo de preços e custo de Vida em Malta,  conferi no site Numbeo as médias de preços de SLIEMA, uma das maiores cidades de Malta, onde estão algumas repúblicas de intercambistas e muitos turistas. Os preços lá estão um pouco acima dos lugares mais residenciais da ilha. E isso é bom, porque, por mais roots que você seja, vai acabar frequentando lugares turísticos mesmo. E é sempre bom calcular os gastos pra cima.

Em Sliema, fiz algumas compras, jantei e dei umas voltas pela orla, e garanto que as médias estão corretas, parecidas às de Swieqi e St. Julians, onde fiz mais compras. Então vamos aos preços pra você calcular seu custo de vida em Malta. Pra facilitar o entendimento, já converti a maioria dos preços em Malta pra Real, considerando a cotação de 1 EURO = 4 Reais.

Moradia e preços de aluguel em Malta

apartamento malta preço

Flat da Escola | Usando como exemplo a ESE, o custo mensal em baixa temporada varia de R$ 2.000 a R$ 5.000, de acordo com o padrão do apartamento. Na foto, o meu apartamento em Swieqi, a 10 minutos de caminhada da escola em St. Julians. Mais especificamente, o Residencial Tamarisk. Na minha rua, tinha uma lanchonete de kebab, um mini-mercado e uma loja de congelados, muito comum em Malta. Ou seja, localização excelente, perto de tudo e muito silencioso.

Hostel | Em St. Julians, cidade que concentra a maioria das escolas de inglês, uma diária de hostel varia de R$ 60 a R$ 90. Mas se fechar um período maior em parceria com a escola ou agência de intercâmbio, pode pagar bem menos, por volta de R$ 900 o mês.

Casa de família | De R$ 3.000 a R$ 5.000 por mês. Não conheço quem escolheu essa modalidade. Mas acho que limitaria muito sua vida em Malta, pois geralmente têm horário de chegada e refeições incluídas, o que limita as amizades. E, em Malta, são lugares mais distantes das escolas.

Apartamento alugado | É sem dúvidas a opção mais barata. Dá pra achar bons apartamentos de 3 quartos próximos das escolas por volta de R$ 3.000 por mês. O que sai muito em conta pra quem divide por 3 ou mais pessoas, além de permitir se sentir realmente um morador local. Mas também é mais trabalhoso, porque você vai ter que se preocupar com contas de luz e faxineira, entre outras.

Observei um padrão | Quem faz um intercâmbio mais longo, geralmente passa o primeiro mês no flat da escola e depois descola vaga numa república em apartamento alugado.

Preços de produtos nos mercados | Compras em Malta

Antes dos preços, vale dizer que o que é barato em Malta, pode ser caro no Brasil. E o contrário. Os melhores exemplos são a carne, o atum em lata e molho de tomate. Enquanto carne no Brasil é um item básico à mesa, em Malta vira artigo de luxo. Por isso tem tantos presuntos, linguiças e “steaks de carne” à venda nos mercados, principalmente congelados. Já o atum é quase dado, e o molho de tomate sai muito barato, além de serem legítimos da Itália.

Sobre a água, vale explicar. Em Malta, pelo que li internet afora, não existem grandes rios, lagos ou centrais de abastecimento de água doce. Quase toda a água do país é tirada do mar e dessalinizada. Teoricamente, a água das torneiras é potável. Ou seja, dá pra beber. Mas vi gente com dor de barriga por causa disso, porque a água é levemente salobra. Então recomendo comprar água mineral no mercado. As garrafas são importadas de países como Itália, Espanha e Turquia e são bem mais baratas do que no Brasil.

Leite (1 litro) – R$ 3,37

Arroz (1 kg) -R$ 5,90

Ovo (dúzia) -R$ 7,54

Tomate – R$ 8,53

Banana – R$ 7,48

Batatas – R$ 3,79

Cebola – R$ 7,68

Cerveja (lata) -R$ 3,80

Água (1,5 l) -R$ 2,80

Carne – R$ 70,00

Atum – R$ 1,50 a lata pequena. Viva la Tuna!

Preços em restaurantes de Malta

Refeição em restaurante legal, com garçom e tudo – R$ 53,00

Combo no McDonald’s – R$ 27,50

Capuccino – R$ 6,80

Lata de refrigerante – R$ 7,00

Risoto incrível em Paceville – R$ 40,00 (esse eu comi e repeti, na Steakhouse do Baystreet Shopping)

Preços de comida de rua (pra levar ou comer em pé)

Kebab – R$ 20,00  – Tem uma portinha vendendo kebab a cada esquina em Malta, mesmo nos lugares não muito turísticos. São bem servidos. Um kebab vale por uma refeição sem problema. Os turcos não gostam, pois dizem que não é o “verdadeiro kebab”. Não ligo, é gosto e pronto.

Fatia de pizza – R$ 4,00 a 10,00 – O que não falta em Malta são italianos. Consequentemente, pizza! Quanto mais barata, mais oleosa, como as de 1 Euro vendidas nas portas das baladas de Paceville ou nas ruas das escolas de inglês.

Pastizzi -R$ 1,00 a 4,00 – É a comida típica de Malta mais comida pelos intercambistas. Isso porque é muito barato. Tem o tamanho de uma medialuna e recheios diversos. Os pastizzis são lanches encontrados em qualquer lugar de Malta.

Timpani – R$ 2,00 a 7,00 – Só encontrei essa “iguaria” no entorno da minha escola, a ESE. Trata-se de uma quentinha, em marmita metálica mesmo, cheia de penne ao molho de queijo ou bolonhesa. Prato peão, pra quem tem estômago de avestruz.

Hambúrguer – R$ 4 a R$ 50 – Além de McDonald’s e Burger King com seus combos e promoções, não faltam boas hamburguerias em Malta, como a Badass Burger. E, na escadaria de Paceville, tem uma birosca vendendo hamburguers a 1 EURO. Melhor lanche pós-balada, quando o paladar e o dinheiro já foram embora.

Preços de passeios e atrações turísticas

Passeio de barco na Blue Grotto: 8 euros

Entrada na Popeye Villa: 10,5 euros

Preço do transporte e ônibus em Malta

onibus malta preço transporte

Passagem de ônibus – R$ 7,80 | E com um ticket você pode andar o DIA INTEIRO em praticamente qualquer ônibus coletivo do país. Andar de ônibus em Malta é realmente muito barato. Só que, aos finais de semana de verão, eles são muito lotados. Essa foto acima é no ônibus de Valetta pra Marsaxlokk, onde tem os famoso mercado de peixes na baía com barcos coloridos.

Táxi – 20 EUROS/80 Reais pro Aeroporto | Esse é o preço médio de uma corrida do Aeroporto de Malta até a região de Sliema, Valetta e St. Julians. Peguei um pra Swieqi e paguei exatamente isso, vindo de Londres, em uma exclente viagem com a Ryanair.

Gasolina – R$ 5,34 | Não aluguei carro em Malta, nem mesmo aqueles quadriciclos legais. Aliás, só vi um posto de gasolina por lá. Mas esse é o preço mesmo, bem mais caro do que no Brasil. Então a dica é andar de ônibus mesmo.

Ingressos e preços de bebidas nas baladas de Malta

baladas malta havana paceville

Entrada – Grátis em quase todas as boates de Paceville, a região das baladas dos estudantes. Outras festas, como no rooftop do Portomaso, cobram entradas na média de 10 Euros/40 reais. Na foto, a boate Havana, geralmente a mais lotada, apesar das músicas horríveis e do labirinto de espelhos e escadas que é o lugar.

Cerveja – 2 euros/8 reais é o preço médio de uma lata de Cisk (a cerveja local) nas baladas de Paceville. Então vale a pena comprar no mercado antes, pela metade do preço, e chegar calibrado na balada. Mas atenção: só vendem bebida alcoólica nos mercados de Malta até às 20h.

Shots de destilados – não lembro, mas não é nenhum absurdo. E podem até ser ganhos de brinde se comprar acima de 10 Euros no mercadinho de Paceville. Nas baladas, a tequila, por exemplo, é mais barata do que no Brasil. Uma garrafa de Jägermeister, que no Brasil custa em média R$ 100 no mercado, em Malta é quase a metade do preço.

Boat Party – Na primavera e no verão, não faltam Boat Partys em Malta. Toda semana tem uma ou duas, por preços que variam de R$ 80 a R$ 140. Os barcos geralmente saem da região de St. Julians às 19h, percorrem a costa da ilha, tem seu auge na Blue Lagoon, onde o pessoal se joga no mar gelado à noite, e o desembarque é até meia-noite. Ah, as Boat Party de Malta são Open Bar!

Quer mais dicas de custo de vida e preços em Malta?

balada malta cafe del mar
Café del Mar, balada ostentação, mas com entrada grátis até as 17h. Só o pôr-do-sol já vale a visita.

Pergunte aqui nos comentários! Eu tento responder o mais rápido possível, o que geralmente é no mesmo dia que você comenta.

É um prazer ajudar quem busca mais dicas de Intercâmbio em Malta. Porque, sinceramente, acho que todos merecem passar pelo menos um mês da vida curtindo algumas das praias mais lindas do mundo e um lifestyle impossível em outros destinos de intercâmbio, como o gélido Canadá ou a chuvosa (e ventosa) Irlanda.

+ Dicas de Malta

Mais Buenas Dicas na Europa

Dicas de Londres | Dicas de Barcelona | Dicas da Bratislava

Para planejar sua viagem:  
  1. Booking: descontos exclusivos em hotéis e reservas com cancelamento grátis
  2. Real Seguros: compare preços de seguro viagem
  3. RentCars: aluguel de carro pelo menor preço nas principais locadoras do mundo
Viaje com descontos:
  1. 100 reais de desconto no Airbnb
  2. 5% ou mais de desconto em Seguro Viagem
Autor

Criador e principal editor do Buenas Dicas, o blog do viajante inteligente (que é você 😄). Siga nossas redes sociais e para dúvidas, propostas e parcerias, veja nosso contato.

141 Comments

  1. Oi! Adorei as dicas.
    Vou para Malta em 2019 fazer um curso de inglês de 3 semanas e vou querer aproveitar a vida noturna também.
    Pretendo fazer passeios às praias nos finais de semana.
    Qual uma média de euros você me recomendaria (um gasto médio por semana) para gastar lá (comida econômica + passeios)?
    Já tenho lugar para ficar e o curso também já estará pago.
    Obrigada. Tatiana.

    • Oi Tatiana. As baladas de Malta são quase todas grátis em Paceville e bebida não é caro. As praias também são grátis…apenas pra Blue Lagoon em Comino que é preciso pagar balsa. Passagem de ônibus custa menos de 2 Euros e vale o dia inteiro. Pensa no seu roteiro, olha as dicas sobre O que fazer em Malta e calcula sua média de gasto pra viagem, de acordo com seu estilo de vida.

  2. Daniela Coelho Góes responder

    Boa tarde Nivaldo, primeiramente parabéns pelo seu blog. Muito rico em informações do dia a dia que me ajudaram muito.
    Em meados de 2019 vou para Malta estudar por um mês. Vou com meu marido, meu filho de 1 ano e uma amiga. Minha amiga e eu vamos estudar e meu marido vai aproveitar a oportunidade ficar comigo e meu filho no período das suas férias e conhecer o local. Estou procurando apartamentos completos para alugar até por questões de custo ×benefício e queria saber quais os melhores bairros em proximidade e vivência também perto de St Julian’s, onde iremos estudar.
    Desde já agradeço!
    Daniela Coelho

    • Nivaldo responder

      Olá, Dani. Obrigado, que bom que as dicas de Malta estão ajudando.
      Então, se sua escola é em St. Julians mesmo, é melhor se hospedar lá mesmo ou em uma cidade fronteiriça (Malta não tem bairros, são pequenas cidades, muitas coladas umas nas outras). Eu também estudei em St. Julians, na Escola ESE, e morei em Swieqi (aqui), de onde ia toda os dias a pé, em mais ou menos 10 minutos de caminhada. Também é tranquilo ir a pé a partir das ruas mais próximas nas cidades de Pembroke e Sliema, principalmente se estiver nos prédios de Balluta Bay.

      Importante observar que nem tudo que é perto é amigável pra ir andando. Malta tem rodovias rápidas cortando as cidades, e é difícil encontrar pontos pra atravessar com segurança. De onde fiquei, tinha sorte por poder passar embaixo de um pequeno viaduto. Pra encontrar apartamentos inteiros, procura no Booking, no Airbnb e nos grupos de brasileiros em Malta, tipo esse e esse.

      A maioria dos apartamentos, que eles chamam de flats, são mobiliados e tem equipamentos como máquina de lavar, ar-condicionado e alguns já vem com serviço de faxina por semana.

Comentários